No ar, piloto de helicóptero é rendido, obrigado desviar rota e a voar sobre complexo

Um caso bastante incomum tomou as manchetes desta segunda-feira (20). Durante um voo de helicóptero, o piloto foi rendido em pleno ar.

De acordo com informações preliminares, um piloto da Polícia Civil do Rio de Janeiro foi obrigado a fazer uma manobra indesejada após ser rendido. Tudo começou quando dois homens contrataram o piloto para um voo particular. A viagem seria do Rio para Angra dos Reis. Contudo, durante a viagem o piloto foi surpreendido com pelos homens, que estavam armados.

A dupla ordenou que o piloto voasse até o Complexo Penitenciário de Bangu. A intenção seria que o helicóptero sobrevoasse a penitenciária. Entretanto, em dado momento eles mudaram de ideia e mandaram o piloto ir até uma área de mata, ainda no Rio de Janeiro. Lá, a dupla desceu do helicóptero e fugiu.

Agora, as autoridades trabalham para identificar a dupla e localizá-los. Além disso, eles trabalham para descobrir qual era a real intenção dos dois acusados com o voo sobre o Complexo Penitenciário.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Comente: