Alexandre Garcia é demitido da CNN Brasil depois de comentário feito ao vivo

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais neste sábado (25). A CNN Brasil emitiu uma nota para justificar a saída do jornalista Alexandre Garcia da programação. A emissora explicou que o posicionamento do jornalista ao longo do ano o levou a ser desligado do quadro de funcionários da empresa. Em sua participação ao vivo, nessa sexta-feira (24), Alexandre Garcia foi desmentido no quadro ‘Liberdade de opinião’, por posicionamento a favor do tratamento precoce contra a Covid-19, que não tem eficácia comprovada.

Alexandre falou sobre as denúncias contra o plano de Saúde ‘Prevent Senior’ no programa ‘Novo Dia’ e disse que “Essa questão de eficácia comprovada a gente só vai saber daqui uns 3 anos, agora tudo é experimental. E enquanto tudo é experimental, só o tempo dirá. Não existe teste de laboratório que supere e teste no ser humano. Então o ser humano está sendo testado numa nova doença, num novo tratamento, numa nova vacina, e nós só vamos saber disso daqui uns 3 anos”, disse.

A âncora do programa, Elisa Veeck, desmentiu o jornalista ao final da participação dele e disse que não existe tratamento precoce contra a doença comprovado cientificamente. “Reitero sempre para vocês que nos acompanham que as opiniões emitidas pelos comentaristas do quadro não refletem necessariamente a posição da CNN. E mais um acréscimo neste fim do quadro de hoje. A CNN ressalta que não existe um tratamento precoce comprovado cientificamente para prevenir a covid-19. O que a ciência mostra é que a prevenção com uso de máscara e a vacinação são as únicas maneiras de combater a pandemia’’, disse Elisa Veeck.

Veja a nota da emissora na íntegra sobre a demissão de Alexandre Garcia:

A CNN Brasil comunica que rescindiu o contrato com o jornalista Alexandre Garcia nesta sexta-feira (24). A decisão foi tomada após o comentarista reiterar a defesa do tratamento precoce contra a covid-19 com o uso de medicamentos sem eficácia comprovada. O quadro “Liberdade de Opinião” continuará na programação da emissora, dentro do jornal “Novo Dia”. A CNN Brasil reforça seu compromisso com os fatos e a pluralidade de opiniões, pilares da democracia e do bom jornalismo”…

Alexandre Garcia usou o seu perfil no Twitter para convidar os seus seguidores para continuar o acompanhando no seu canal no YouTube. “Você que me acompanhava todos os dias só no Liberdade de Opinião da CNN, agora pode continuar me seguindo diariamente no meu canal do YouTube. Seja muito bem-vindo!”, comentou.

Da redação do Acontece na Bahia

 

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Comente: