Viúva de João Gilberto será despejada do apartamento onde vivia com o cantor após não conseguir pagar aluguel

Uma notícia chamou a atenção dos internautas nesta manhã de quinta-feira (8). Maria do Céu Harris, viúva do célebre cantor de Bossa Nova, João Gilberto, será despejada do apartamento em que vivia com o cantor no nobre bairro do Leblon, no Rio de Janeiro, devido a falta de pagamento dos alugueis do imóvel.

De acordo com as informações, a decisão veio do juiz Paulo Roberto Campos Fragoso, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

O aluguel do apartamento, no valor de R$ 7 mil, não está sendo pago, nem pela ex-esposa, nem por Bebel Gilberto, filha do artista.

O apartamento ainda conta com alguns bens valiosos do cantor baiano, como seus violões e outras peças usadas em seus shows.

Da redação Acontece na Bahia

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.

Justiça determina despejo da viúva do músico João Gilberto do apartamento onde viviam

Uma notícia está sendo destaque nesta quarta-feira (07). Em decisão judicial, a viúva do musico João Gilberto, a portuguesa Maria do Céu Harris, será despejada do apartamento onde vivia com o cantor, localizado no Leblon, bairro nobre do Rio de Janeiro. A decisão partiu do juiz Paulo Roberto Campos Fragoso, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, no dia 25 de março.

A razão para o despejo é o aluguel do imóvel, no valor de R$7mil, que não está sendo pago nem pela filha do artista, Bebel Gilberto, que tinha a curatela do pai até o falecimento, nem pelo espólio do artista. A sentença determina a rescisão do contrato de locação e a desocupação do imóvel em 15 dias, além dos pagamentos atrasados.

Bebel Gilberto, fiadora do imóvel e desafeto de Maria do Céu, também entrou na condenação do juiz, sendo obrigada a pagar os débitos do apartamento. A filha do cantor em 2019 chegou a prestar queixa contra Maria do Céu com a alegação que de que a viúva a teria impedido de entrar no imóvel.

Segundo o advogado de Maria, ela não sairá do apartamento tão cedo, pois uma lei estadual do Rio impede o cumprimento de ordens de despejo na pandemia.

No apartamento estão bens valiosos de João Gilberto, como seus violões. Maria Céu vem lutando há meses pelo reconhecimento da sua união estável com o cantor, o que a enquadraria no processo de espólio, mas a decisão ainda está em curso.

 

 

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Viúva de homem morto por seguranças do Carrefour recusa indenização de R$1 milhão

Uma notícia está sendo destaque nesta quinta-feira (01). Milena Borges Alves, viúva de João Alberto, homem que foi espancado até a morte por dois seguranças do Carrefour, recusou a proposta de acordo no valor de R$1 milhão feito pela empresa de supermercado, como indenização por dano moral e material. A negociação foi encerrada no último dia 24 de março e os advogados da mulher devem entrar na Justiça cobrando valores entre R$10 milhões e a R$15 milhões.

A recusa ao valor seria pelo fato dessa quantia ser a mesma paga pela morte do cachorro Manchinha, espancado e morto por um segurança do Carrefour, em Osasco, São Paulo. A indenização pela morte do animal foi paga para instituições de causas animais.

Em entrevista ao UOL, o advogado da viúva, Hamilton Ribeiro, relembrou o caso de George Floyd, homem negro morto por policiais nos Estados Unidos e o valor que a família de George recebeu, de US$ 27 milhões. “Quanto vale a vida de um negro afro-brasileiro e um negro afro-americano? Quando vai ter fim a síndrome do cachorro vira-lata?”

O Carrefour, por sua vez, disse que o defensor estava “se agarrando” a um valor estipulado pelo STJ de 500 salários mínimos.

Mesmo não conseguindo fechar acordo com a viúva, a enteada e o pai de João Alberto acordaram valores, porém esses não foram divulgados devido ao termo de confidencialidade.

RELEMBRE O CASO

José Alberto foi morto dia 19 de novembro do ano passado por dois seguranças do Carrefour. Segundo Milena, ela e o marido teriam ido ao supermercado comprar ingredientes para um pudim e algumas verduras. O casal, segundo ela, teria ficado poucos minutos dentro do estabelecimento. O homem teria ido na frente em direção ao estacionamento e quando ela chegou ao local, se deparou com o marido no chão e sendo impedindo de se aproximar.

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Supremo Tribunal bate o martelo: Amante não tem mais o direito de dividir a herança com a viúva

Uma decisão do Supremo Tribunal Federal continua repercutindo nesta quarta-feira (16). O que acontece se uma viúva e uma amante disputam a herança de um companheiro na Justiça? Pois é justamente sobre isso que essa resolução se trata.

Em muitas famílias, uma situação delicada causa empasses judiciais: a disputa por heranças entre a viúva e a amante. Contudo, agora isso não será mais um grande problema. Isso porque a Suprema Corte decidiu que o Brasil não reconhece duas uniões estáveis ao mesmo tempo.

“A preexistência de casamento ou de união estável de um dos conviventes, ressalvada a exceção do artigo 1723, §1º do Código Civil, impede o reconhecimento de novo vínculo referente ao mesmo período, inclusive para fins previdenciários, em virtude da consagração do dever de fidelidade e da monogamia pelo ordenamento jurídico-constitucional brasileiro.”

O debate foi acirrado e a decisão foi finalmente firmada por 6 votos a 5. Sendo assim, o Brasil é considerado um país monogâmico perante os olhos da lei, pelo menos quando o assunto é a divisão de bens de uma pessoa falecida. Em um caso recente, a própria viúva admitiu a divisão, gerando grande repercussão Leia Mais.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Nacional.