Apontada como ex-amante do cantor Tony Salles é presa em cidade de Minas Gerais

Uma notícia tem circulado na internet nesta quinta-feira (30). A polícia prendeu nessa terça-feira (28), a influenciadora e empresária Kamyla Simioni, de 35 anos, em Belo Horizonte, Minas Gerais. A empresária é acusada de agredir uma ex-funcionária e acabou sendo presa e encaminhada para uma delegacia.

A influenciadora possui mais de 300 mil seguidores em suas redes sociais e é dona das marcas Kamila Simioni Shoes e Kamila Simioni for Woman, além do salão de beleza Kamila Simioni Beauty Center. Kamyla ganhou visibilidade na mídia após ter se envolvido com o cantor baiano Tony Salles há algum tempo. Enquanto Scheila Carvalho, esposa do artista, participava do elenco de ‘A Fazenda’, em 2013, aconteceu a traição. O caso ganhou muita repercussão na época e foi parar no judiciário. Tony Salles e Scheila, que permanecem juntos, processaram a influenciadora por difamação e danos morais.

Por este ato de agressão contra a ex-funcionária, Kamyla foi conduzida à delegacia para se explicar e assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), que foi registrado como lesão corporal.

Vale lembrar que em 2019, segundo a coluna do jornalista Leo Dias, a empresária havia sido presa anteriormente suspeita de associação ao tráfico, corrupção ativa e posse de arma de fogo. Kamyla já se relacionou também com outro baiano, o jogador do Vitória, o zagueiro Victor Ramos, com quem chegou a ser flagrada algumas vezes.

Da redação do Acontece na Bahia

 

Tag(s): , , , , , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque.

Empresário é morto pelo próprio filho dentro de condomínio de luxo

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta quarta-feira (4). Na tarde dessa terça-feira (3), em Valinhos, SP, um homem foi morto a tiros pelo próprio filho. Segundo a Polícia Militar, uma guarnição foi acionada por volta de 14h05 para atender uma ocorrência em que um adolescente de 14 anos havia efetuado disparo de arma de fogo após o empresário agredir a esposa.

Segundo a polícia, o crime aconteceu em um condomínio de alto luxo no bairro Joapiranga. O corpo do homem ficou caído na garagem do imóvel e após a chegada do resgate ficou constatado o óbito no local. De acordo com informações da EPTV, o empresário era muito conhecido por ser um colecionador de carros de luxo. Tinha atuação no mercado de comércio exterior e de som automotivo. Mas não é só isso…

A Polícia Militar apreendeu algumas armas no imóvel e a perícia foi acionada para analisar o local do crime. O caso foi registrado na Delegacia de Valinhos. O corpo do empresário foi retirado do local por volta das 19h e ainda não se tem informações sobre o velório e sepultamento do empresário.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Apresentadora da Record é agredida na presença do filho e ex-namorado acaba atrás das grades

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta segunda-feira (21). A Polícia Militar de Goiás prendeu Ricardo Hilgenstieler por agredir a apresentadora do ‘Cidade Alerta’, da Record de Goiânia, Silvye Alves. O ex-namorado foi detido após invadir o apartamento da jornalista e agredi-la fisicamente na presença do filho dela, que tem apenas 11 anos. O homem foi preso pelos agentes momentos após o ataque quando estava no aeroporto de Goiânia para um embarque.

De acordo com informações da polícia, a jornalista teve um ferimento grave na boca e precisou passar por cirurgia. Já o ex-namorado logo após a prisão foi encaminhado à Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam). A apresentadora de televisão por meio da assessoria disse que não irá se manifestar sobre o ocorrido. Por meio do Instagram Silvye pediu orações e revelou que a dor maior foi ver o ‘filho sofrer’ porque estava no momento em que ela foi agredida. Mas não é só isso…

“Não está sendo fácil. A dor física só não é pior que a dor na alma. A maior tristeza de tudo isso foi ver meu filho sofrer. Prometi nunca fazê-lo sofrer e hoje aconteceu o pior. Peço orações a vocês, cessem o ódio, por favor, isso não leva a lugar nenhum. Assim que conseguir, vou conversar com vocês. Se puder, nos coloquem em suas orações”, disse ela.

A apresentadora que comanda o Cidade Alerta há cinco anos recebeu inúmeras manifestações de apoio, inclusive do governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), o qual disse que o ex-namorado da jornalista será punido de acordo com o ‘rigor da lei’. “Aqui em Goiás não admitimos nem aceitamos violência contra as mulheres. Isolamento social de agressor é na cadeia! Toda minha solidariedade à jornalista Silvye Alves e a certeza de que o responsável pela agressão responderá no rigor da lei”, disse o governador Ricardo Caiado.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Feira de Santana: Mulher denuncia agressão sofrida feita por motorista de aplicativo: “Me deu um murro no olho”

Uma noticia tem causado revolta entre os internautas ainda nesta segunda-feira (17). Isso, porque uma mulher afirmou que foi agredida por um motorista de aplicativo.

O caso aconteceu na última sexta-feira (17), na cidade de Feira de Santana, localizada a 116 Km da capital baiana. Em entrevista ao portal “Globo”, Ana Paula Araújo, de 36 anos, que é mãe de três crianças, afirmou que pediu a corrida no final da manhã de sexta-feira (14), na Avenida Senhor Dos Passos, após comprar roupas e uma marmita de comida para os filhos.

A técnica de enfermagem contou que estranhou o pedido do motorista para que ela colocasse as sacolas no banco da frente do veículo e sentasse no fundo. Ao questionar, ela disse que o homem argumentou que não queria que sujasse os bancos do carro.

“Eu falei para ele que eram roupas que eu tinha comprado, que não tinha colocado as sacolas no chão e que não estavam sujas. Ele ficou falando que não queria e que então ele ia cancelar a corrida. Eu ainda expliquei que eu tinha comprado uma marmita para minhas crianças comer, mas ele ficou falando que não ia me levar”, contou a técnica de enfermagem.

Segundo Ana Paula Araújo, ela ficou do lado de fora do carro esperando o motorista cancelar a corrida, mas ele desistiu e falou que a mulher teria que cancelar.

“Eu bati no carro e falei que estava com a marmita das crianças na mão e que se ele quisesse cancelar, era para cancelar, porque eu precisava pedir outra corrida. Ele desceu e me empurrou, no impulso eu também o empurrei e ele me deu um soco no rosto”, disse.

A técnica de enfermagem contou que após a agressão, o homem entrou no carro e fugiu do local. Ela foi socorrida por uma mulher, que estava do outro lado da rua e conseguiu anotar a placa do carro, e outro homem, que também é motorista por aplicativo, e a ajudou a prestar queixa na delegacia.

“Ele saiu do carro e me deu um murro no olho. Eu fiquei assustada e a sorte foi que a mulher, que presenciou todo o fato, conseguiu anotar a placa do carro”, contou Ana Paula Araújo.

Ana Paula Araújo registrou um boletim de ocorrência na 2ª Delegacia Territorial do bairro Sobradinho. No sábado (15), ela fez exames de corpo e delito no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

a técnica de enfermagem disse que encontrou o mesmo homem na delegacia, mas não sabe dizer o motivo em que ele foi para o local. Uma audiência sobre o caso foi marcada para outubro. Entretanto, na noite desta segunda, foi adiantada para terça-feira (18).

“Acho que ele pensou que eu não ia denunciar e tentou se cobrir com um boletim de ocorrência, para querer se safar do que ele fez. Eu não sei o que aconteceu, estava longe, mas ele foi ouvido e foi embora”, afirmou.

Em nota, a Polícia Civil que apura a agressão, que foi expedida uma guia para exame de lesões e agenda os depoimentos dos envolvidos.

Leia também o portal do nosso editor www.romulofontoura.com.br

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.