Zé Miúdo: Anão carregado no colo por Bolsonaro era conhecido e é vereador

Nessa semana, o presidente Jair Bolsonaro visitou alguns estados do Nordeste e um deles foi Sergipe. Justamente nesse estado, aconteceu uma história curiosa que ganhou grande repercussão em todo o Brasil. Tudo começou quando foi noticiado que Bolsonaro carregou um anão no colo, pensando que fosse uma criança. Porém, revelou-se que não foi bem isso que aconteceu, pois o anão é sim um conhecido e ainda é vereador na região.

O homem que foi carregado no colo por Bolsonaro é José Eraldo, o Zé Miúdo, vereador da cidade de Itabaianinha, no interior de Sergipe. A história que ganhou força nas redes dizia que o presidente teria levantado um anão achando que seria uma criança, contudo, não é bem assim. Bolsonaro já conhecia muito bem o Zé Miúdo.

Anteriormente os dois já haviam se encontrado em Brasília, num evento que reuniu vereadores de todo o país.Para o portal Metrópoles, Zé Miúdo explicou a situação:
“Ele me viu e me reconheceu, tem uma memória boa. Ele lembrou de mim lá de Brasília, me levantou e disse: em Brasília eu botei você no colo, agora eu vou botar você no braço.”

Além disso, a cidade de Itabaianinha é bem famosa por ter um índice maior de nanismo na população. Com apenas 40 mil habitantes, o município tem aproximadamente 100 pessoas com nanismo.

Da Redação do Acontece na Bahia.

 

Categoria(s): Nacional.

Comente: