Vereador passa por cima de grupo de motociclistas, deixa 3 mortos e 6 feridos

Um episódio muito conturbado aconteceu nesta semana. Um grupo de motociclistas foi atropelado por um vereador, 6 foram feridos e 3 deles acabaram não resistindo. Em alta velocidade, o motorista avançou contra o grupo causando vários impactos subsequentes.

Tudo começou quando o grupo de cerca de 30 motociclistas se reuniu para viajar. Com amigos de Pernambuco e também de Alagoas, o grupo tinha uma missão muito nobre a cumprir. Eles iriam até a casa de um amigo do grupo que estava desempregado para presenteá-lo com donativos. Então, quando estavam na PE-96, na cidade de Água Preta, o grupo foi atingido. Tudo aconteceu muito rápido, a ponto de alguns membros que estavam mais a frente nem perceberem. Segundo testemunhas, o veículo dirigido pelo vereador Pedro Marconi de Souza Barros estava em alta velocidade e invadiu a contra-mão.

Nesse momento, ele colidiu com vários motociclistas em sequência. Entre as vítimas, um homem e um jovem casal perderam a vida. Além disso, outras 6 pessoas  ficaram feridas e foram hospitalizadas.De acordo com as autoridades, o vereador realizou o teste do bafômetro e não foi constatada a ingestão de bebidas alcoólicas.

Depois de passar 24 horas detido numa delegacia, Pedro Marconi recebeu liberdade provisória, tendo apenas que se apresentar mensalmente aos policiais para justificar suas atividades. Ele também não pode deixar a comarca de Brejo da Madre de Deus, onde foi eleito, por mais de uma semana sem ter autorização judicial. As investigações estão apurando imagens registradas no momento do ocorrido e o vereador também foi submetido a outros exames para averiguar a possível ingestão de outras substâncias.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: