Vendedora de lanches é morta enquanto trabalhava na porta de casa

Uma jovem teve a vida ceifada. Aos 23 anos, Alexsandra da Silva Souza trabalhava como vendedora de lanches quando foi morta na porta de casa. Mas o que aconteceu?

De acordo com o portal Diário do Nordeste, Alexsandra da Silva estava vendendo lanches na porta de casa, em Fortaleza, quando foi baleada. Moradores do bairro perceberam o barulho e foram até o local para ver o que aconteceu. Então, chegando lá, um homem resgatou a jovem e a levou ao hospital. Contudo, Alexsandra chegou à unidade já em estado grave e não resistiu. Enquanto isso, os moradores do bairro dela já tinham um suspeito: o dono de uma borracharia que fica próxima da casa da vendedora. Com isso em mente, eles resolveram agir em represália.

Como não encontraram o suspeito no estabelecimento, os moradores atearam fogo na borracharia e no carro dele. Poucos dias depois, o homem foi localizado pela polícia e preso. Constatou-se que ele já tinha passagens pela polícia pelo mesmo tipo de crime. Mas o que teria o motivado a tirar a vida da jovem? Investigações preliminares dão conta de que o homem atirou contra Alexsandra porque tinha desentendimentos com familiares dela. Entretanto, as autoridades ainda estão investigando o caso.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Nacional.

Comente: