Search
Close this search box.

Tristeza: Após 18 dias internado, morre voluntário que se acidentou enquanto ajudava no RS

O desastre que assolou o Rio Grande do Sul comoveu o país inteiro! Pessoas se mobilizaram, doações foram levantadas, recursos financeiros enviados e voluntários entregaram suas vidas, literalmente, para ajudar as pessoas afetadas pelas enchentes. Em meio a tantas boas ações, uma notícia triste ganhou destaque: o voluntário Adroaldo Gabana, de 39 anos, faleceu no último sábado (25) após ficar 18 dias internado. Ele sofreu um acidente depois de bater a cabeça ao cair de uma caminhonete enquanto ajudava vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. A morte do agrônomo foi confirmada pela prefeitura de Ciríaco (RS).

Desde o início do mês, Gabana estava internado em Lajeado, e seu estado de saúde era considerado grave. Ao lado de amigos, o gaúcho se voluntariou para ajudar no resgate de pessoas em Muçum, a 152 km de Porto Alegre. Contudo, durante a ação voluntária, acabou se acidentando e precisou passar por diversos exames.

Os médicos chegaram a realizar um procedimento conhecido como craniotomia descompressiva, com o objetivo de diminuir o inchaço na cabeça do agrônomo. Contudo, ele não resistiu e acabou falecendo.

Foto: Instagram

Da redação do Acontece na Bahia