Salvador: Bruno Reis não consegue convencer professores a retomarem as aulas no próximo dia 03 e categoria ameaça greve

Uma notícia está sendo destaque nesta quinta-feira (29). O prefeito de Salvador, Bruno Reis, não conseguiu entrar em um acordo com o Sindicato dos Professores da Bahia (APLB) sobre a retomada das aulas, mesmo com mais de três horas de reunião que aconteceu ontem a tarde.

O prefeito tentava conversar a classe de professores para que retomassem as aulas presenciais na próxima segunda-feira (03). Porém, a categoria alega que retornará apenas quando todos os professores estiverem vacinados.

Além disso, o presidente da APLB, Rui Oliveira, disse que discutirá com a categoria na próxima quarta-feira (05), a possibilidade de greve. “Pedimos para o prefeito revogar o decreto [que determina a volta às aulas]. Se ele não revogar, entramos em greve”, afirma.

Ele também informou que continuará os trabalhos de forma remota até a próxima semana. “O prefeito insistiu que a primeira dose [da vacina contra Covid-19] imuniza, nós dissemos que não abrimos mão da imunização com a segunda dose”

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , , .

Categoria(s): Destaque.