Ex-namorado teria tirado a vida de estudante de engenharia para vender o carro da dela no sudoeste baiano

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta sexta-feira (17). O corpo da jovem Sashira Camilly Cunha Silva, de 19 anos, foi encontrado nesta quinta-feira (16), na cidade de Planalto, que fica localizada a 50 km de Vitória da Conquista. O ex-namorado da jovem, que não teve a sua identidade revelada, confessou que cometeu o crime para depois vender o carro dela. De acordo com informações, o ex-namorado da vítima agiu em conluio com outras duas pessoas, também envolvidas no crime. Todos os envolvidos se conheciam do curso de engenharia civil da Fainor, (Faculdade Independente do Nordeste), instituto de ensino superior privado.

O ex-namorado de Sashira se entregou na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), por volta de 00h da quinta-feira (16), acompanhado do seu advogado. Equipes da Coordenadoria de Polícia e da Deam, foram nas casas de outros dois suspeitos indicados, momentos depois. Um dos suspeitos conduziu os agentes até o local onde o corpo foi abandonado, na cidade de Planalto.

A jovem foi assassinada em Vitória da Conquista, cidade onde residia. O ex-companheiro detalhou aos policiais como cometeu o crime. Disse que dopou a jovem com remédio controlado e, na sequência, esfaqueou rosto e pescoço, entretanto, quando chegou no local onde deixaria o corpo, percebeu que Sashira ainda estava viva e a estrangulou até a morte.

O segundo homem suspeito pegou o carro da vítima e levou o corpo dela e o ex-namorado da cidade de Vitória da Conquista até Planalto, com o objetivo de depois desta ação vender o veículo. O terceiro envolvido teria feito a conexão entre o ex da jovem e o segundo acusado, uma vez que não eram próximos. O homem foi o responsável por pagar um carro de aplicativo para conduzir o segundo envolvido até o local onde o crime seria praticado. Tanto o segundo quanto o terceiro envolvido alegam não saber que a vítima seria Sashira.

A jovem Sashira teria sido agredida pelo ex-companheiro com uma cabeçada no nariz há dois anos, de acordo com a polícia. Na época houve uma medida protetiva que foi expedida pelo Núcleo da Criança e do Adolescente, mas não estava mais em vigor. Os acusados foram presos e estão a disposição da justiça.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.

Estudante de engenharia 19 anos que estava desaparecida é encontrada sem vida; namorado teria confessado

Uma triste notícia tem sido divulgada nas redes sociais nesta quinta-feira (16). Um crime bárbaro assustou os moradores da cidade de Planalto.

O corpo da jovem estudante de engenharia, Sashira Camilly, de 19 anos, foi encontrado na manhã desta quinta-feira no município de Planalto, que fica a 50 km da cidade de Vitória da Conquista. As informações ainda estão sendo apuradas sobre este crime de feminicídio que aponta para o envolvimento de três acusados.

A jovem estudante estava desaparecida e o namorado da vítima teria confessado o crime e contado com a ajuda de dois amigos. Todos os acusados do crime já foram identificados e presos pela Polícia Civil. A motivação para este crime cruel ainda é desconhecida.

Sashira Camilly era estudante de engenharia civil da Fainor (Faculdade Independente do Nordeste), instituto de ensino superior privado, e segundo comentários da imprensa local os envolvidos neste crime seriam colegas de faculdade da vítima.

A identidade dos suspeitos ainda não foi revelada e a motivação também é desconhecida. É esperado informações mais concretas por parte das autoridades, uma vez que as notícias atuais são preliminares e dão uma visão parcial do que de fato aconteceu. O corpo da jovem foi removido por uma equipe do Departamento de Polícia Técnica e encaminhado para o IML de Vitória da Conquista.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.

Morre mais um suspeito de envolvimento na morte de PMs; Outros sete ciganos, todos irmãos, morreram em confronto com a polícia

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais neste domingo (1º). Mais um cigano acusado de envolvimento na execução de dois policias militares em Vitória da Conquista BA, morreu em confronto com forças policiais. O suspeito foi identificado como um adolescente de 17 anos que veio a óbito após entrar em confronto com a polícia na cidade de Anagé, nessa sexta-feira (30), segundo informações do Instituto Cigano do Brasil (ICB).

Os PMs Luciano Libarino Neves, de 34 anos, tenente, e Robson Brito de Matos, de 30 anos, soldado, foram executados no distrito de José Gonçalves, no dia 13 de julho. De acordo com a polícia, os agentes foram cercados por seis pessoas que efetuaram disparos de arma de fogo.

Desde a morte dos agentes da polícia, pelo menos 7 pessoas da mesma família foram mortas. Entretanto, a corporação ainda não confirmou se há algum grau de parentesco do homem que morreu na última sexta-feira com as outras vítimas que morreram em confronto com a polícia. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia, o homem tentava invadir casas na localidade de Lagoa Grande e foi denunciado por moradores. A Polícia Militar apreendeu um revólver calibre 38, munições e uma faca. Segundo a SSP-BA, o homem morreu após trocar tiros com a polícia. Na ação, o suspeito ainda foi encaminhado para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

A Polícia Militar informou ainda que o homem morto nessa sexta-feira havia sido responsável junto com outros três ciganos, que morreram, de trocar tiros com a polícia nessa quarta-feira (28). O homem havia conseguido fugir na ocasião. Na operação foi recuperada a pistola do soldado Robson Brito de Matos, roubada após ele ser executado, que estava em poder do trio.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.

Morre o 4º cigano acusado da morte de dois policiais militares

Uma notícia tem circulado nas redes sociais nesta quinta-feira (15). Morreu o 4º cigano acusado de envolvimento na morte dos dois policiais militares, tenente Neves e o soldado Brito, no distrito de José Gonçalves, em Vitória da Conquista. O homem que foi identificado apenas por Morais da Silva Matos, veio a óbito nessa quarta-feira (14), após ter sido atingido por disparo de arma de fogo dentro de uma farmácia.

Segundo informações do jornalismo local, o homem que é cigano, foi atingido no centro da cidade, na Avenida Crescêncio Silveira e o momento em que o crime aconteceu foi registrado por imagens de câmeras de segurança que capturaram o alvoroço no local.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) esteve lo local para fazer o atendimento ao homem atingido, mas a morte foi confirmada logo depois. O crime foi registrado na 77ª Companhia Independente de Polícia que apura a autoria e motivação.

Nessa quarta-feira (14), dois ciganos foram mortos na cidade de Itiruçu, em uma operação da Polícia Militar ao resistirem a abordagem policial e a voz de prisão. Os homens foram identificados como Arlan da Silva Matos e Dalvan da Silva Matos.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.