Valente: Quatro homens morrem e outras 3 pessoas são hospitalizadas após tentarem fazer “gato” em poste

De acordo com o portal BNews os quatro homens morreram enquanto tentavam fazer uma ligação elétrica clandestina de um poste para uma casa, o popular “gato”, às margens da BA-120, em Valente. Ao tentar puxar um fio do posta para uma casa, Diomarques Gordiano, Leilton Carneiro, Misael e Esmeraldo foram impedidos pela vegetação local. Eles continuaram tentando dar um jeito, mas acabaram eletrocutados e não resistiram. Mas não termina aí, pois outras pessoas também acabaram recebendo a descarga elétrica.

Outras três pessoas que estavam no local também teriam sido eletrocutadas, mas conseguiram sobreviver após serem encaminhadas para uma unidade hospitalar em Serrinha. Diante da repercussão do caso, a Coelba, Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia, comentou o assunto e sinalizou a provável causa do ocorrido. Em nota enviada à imprensa, a Coelba relatou que um cabo que estava sendo utilizado irregularmente teria rompido:

“Equipes da concessionária constataram que a rede de distribuição não apresentou avaria e se manteve íntegra. A distribuidora lamenta a ocorrência e reforça que furto de energia coloca em risco a vida da população e de quem executa a irregularidade, além de ser crime previsto no Código Penal Brasileiro. Para inibir esta prática ilegal, a empresa promove ações de conscientização, alertando toda a sociedade para os riscos envolvendo fraudes e ligações clandestinas.”

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): .

Categoria(s): Destaque.

Irmãs esperam 20 anos para vingar a morte do pai e esfaqueiam assassino em praça

Uma notícia tem circulado nas redes sociais nesta terça-feira (13). Na cidade de Valente, 247 km de Salvador, não se fala de outra coisa senão a história de um homem identificado como José Carlos de Jesus, 63 anos, que foi morto a golpes de faca no momento de uma confusão que aconteceu na Praça da Jazida. O crime que ainda hoje é comentado no município, aconteceu no último sábado (10).

Segundo testemunhas, duas irmãs esfaquearam o homem com a justificativa de vingar a morte do pai que ocorreu há 20 anos. O homem esfaqueado já havia cumprido pena perante a justiça e estava em liberdade. Policiais do 16º Batalhão da Polícia Militar foram acionados com a informação de um assassinato ocorrido na Praça da Jazida e chegando ao local confirmaram a veracidade da denúncia. Mas não é só isso…

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) esteve no local e fez o isolamento da área para a realização de perícia e a remoção do corpo. Estão sendo realizadas diligências na região para que se possa chegar aos envolvidos neste crime, mas até o fechamento da matéria ninguém foi preso. A Polícia Civil está buscando a autoria e motivação deste crime que será esclarecido pela investigação.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.