Caso Gael: Suspeita de matar filho de três anos, mãe de Gael é transferida para penitenciária em Tremembé, SP

Uma notícia chamou a atenção dos internautas nesta manhã de quarta-feira (12). A mãe do garoto Gael, de 3 anos, Andréia Freitas de Oliveira, principal suspeita de espancar filho até a morte nesta semana, foi transferida para a penitenciária feminina I de Tremembé (SP) hoje (12) pela manhã.

A mulher, de 37 anos, foi levada para penitenciária feminina de Tremembé, que é conhecida por abrigar presas famosas, como Suzane von Richtofen, condenada pela morte dos pais, Ana Carolina Jatobá, condenada pela morte da enteada Isabella Nardoni e Elize Matsunaga, condenada por matar o marido Marcos Matsunaga.

A mulher ficará inicialmente isolada em uma cela durante 15 dias, devido aos protocolos contra Covid-19, e, após o período será colocada em outra cela. A prisão preventiva da mulher foi decretada na terça (11) pela Justiça.

Andreia afirma que não se lembra do que aconteceu na noite do crime. Além disso, ao saber da morte do filho, a mulher chorou copiosamente por 40 minutos.

“Ela está muito abalada e não se lembra de nada”, afirma o advogado de defesa Fábio Gomes da Costa.

Da Redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.