No velório da dona, cachorro chora muito e fica de guarda sem deixar ninguém chegar perto: “Estava entendendo tudo”

Uma história bastante comovente está sendo  comentada nesta semana. Durante um velório, um cachorro chamou atenção de todos que estavam presentes, pois sua dona, Luzinete Lopes Diniz, havia falecido, e ele não parava de chorar, e também não deixava ninguém chegar perto do caixão. A situação ocorreu em Camaçari, situada na região Metropolitana de Salvador (RMS).

Segundo o portal Bahia Notícias, os amigos de Luzinete Diniz, informaram que o animal, Toy, como é chamado, sempre esteve ao lado de sua dona. Como Luzinete era testemunha de Jeová, ela sempre carregava o cachorro consigo, que ficava esperando a dona sair ao final do culto. Isso também ocorreu quando ela ia ao supermercado, Toy, estava lá, sempre esperando. Luzinete Diniz, adotou Toy quando ele ainda era neném, e o considerava como membro da família. Luzinete morreu em decorrência de um infarto.

Ainda de acordo com o portal, um amigo da família, identificado como, Jailson Santos, publicou em suas redes sociais, para compartilhar algo que o comoveu muito.”O dia hoje amanheceu triste com o falecimento de dona Luzinete, Testemunha de Jeová, como era conhecida, pessoa muito querida. E o que mais estou impressionado é com o desespero desse cachorro da família, parecendo que estava entendendo que a dona estava falecida, chorando como se fosse uma pessoa quando perde um ente querido, não queria deixar ninguém chegar próximo ao caixão”informou.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.