Salvador: em confusão, policial atira para o alto, é imobilizado pela população e encaminhado para acompanhamento psicológico

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta segunda-feira (3). Um Policial Militar teve um surto psicótico nessa sexta-feira (30) e realizou diversos disparos de arma de fogo para o alto no bairro do Resgate, em Salvador. Segundo informações da 23ª CIPM, policiais militares foram chamados pelo Cicom para atender a uma ocorrência por volta das 21h50.

A equipe policial foi deslocada para a avenida Silveira Martins, no bairro Resgate para controlar uma situação que não mais oferecia perigo por intervenção dos moradores locais que se anteciparam. A corporação informou que o policial tinha se envolvido em confusão e depois de ter se descontrolado foi detido pela população. Neste momento o policial estava desarmado.

De acordo com a Polícia Militar, o agente foi encaminhado para a sede da 23ª CIPM e na sequência foi levado há uma clínica para receber atendimento psicológico. A corporação informou que o incidente será registrado na Corregedoria.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.

Policial Militar efetua vários tiros para o alto e é imobilizado por moradores “históricos de atendimentos psicológicos dessa natureza”

Uma situação deixou vários baianos assustados nesta semana. Pois, segundo testemunhas, um policial militar, começou a efetuar vários disparos para cima. Isso ocorreu durante uma confusão no bairro do Resgate. As informações são de que o militar foi imobilizado por moradores da localidade.

Segundo o portal G1, um agente da guarnição informou que o militar já tem um “históricos de atendimentos psicológicos dessa natureza”.O soldado também contou que, testemunhas oculares acionaram a PM informando sobre a situação que estava ocorrendo. Assim que as viaturas chegaram na localidade, onde ocorreu a situação, o policial já havia sido imobilizado por moradores da região. O caso ocorreu na noite da última sexta-feira (30).

Ainda de acordo com o portal, o PM entregou a arma para a guarnição, sem haver nenhuma resistência. Em seguida ele foi levado para a 23ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), sendo encaminhado para fazer uma análise psicológica em uma clínica psiquiátrica na capital baiana.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.