Novo feriado nacional para homenagear Santa Dulce é aprovado pelo Senado; projeto vai para análise na Câmara

Uma notícia é destaque nos meios de comunicação nesta terça-feira (23). Foi aprovado pela Comissão de Educação do Senado um projeto que autoriza a criação de um feriado para homenagear a Santa Dulce dos Pobres. O novo feriado nacional seria no dia 13 de março, segundo o projeto de lei do senador baiano Ângelo Coronel (PSD).

O Senado aprovou o projeto de lei na última quinta-feira (18), e o passo seguinte agora é a análise do projeto pela Câmara de Deputados. A data escolhida para o feriado nacional é o dia da morte de Irmã Dulce, que morreu em 1992, na capital baiana.

A relatoria do projeto de lei aprovado pelo Senado foi do senador Flávio Arns (Podemos-PR).A história de vida de Irmã Dulce têm inúmeros fatos relevantes relacionados ao número 13, entre eles, a data em que é celebrada a Bem-Aventurada Dulce dos Pobres, no dia 13 de agosto.

O governo da Bahia já havia decretado em setembro de 2019, o 13 de outubro como Dia de Irmã Dulce no estado, entretanto, esta data não é considerada um feriado. A igreja Católica, por sua vez, celebra a Santa Dulce no dia 13 de agosto, dia em que a religiosa se tornou freira.

Irmã Dulce foi canonizada pelo Papa Francisco no Vaticano em 13 de outubro de 2019. A Santa Dulce dos Pobres ficou bastante conhecida no Brasil em razão do expressivo serviço social que desenvolveu, sobretudo voltado para os pobres e necessitados, ficando conhecida como o “Anjo Bom da Bahia”.

Da redação do Acontece na Bahia

Foto: Phael Fernandes/G1 BA

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

publicidade