Em entrevista, Ronaldo Fenômeno relembra episódio com travesti e culpa o álcool: “Fiz mal a mim mesmo

Uma notícia está sendo destaque nesta sexta-feira (21). O ex-jogador de futebol, Ronaldo Fenômeno , relembrou, durante uma entrevista com o Pedro Bial no programa “Conversa com Bial”, uma situação que passou em meados de 2008, quando jogava no Milan, da Itália.

O que aconteceu foi que na época, a travesti Andréa Albertino acusou o jogador de não ter pago por um programa em um motel na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

“Isso já foi falado. É uma coisa que me incomoda, mas só fiz mal a mim mesmo. Eu precisava era da Tábata [terapeuta] naquele momento fazendo a minha terapia. Foi um momento muito difícil, com certeza ligado ao álcool. Foi um momento muito difícil pra mim naquela época”, desabafou.

Para Ronaldo, o que aconteceu foi uma tentativa de extorsão, já que na época a travesti cobrou um valor de R$50 mil. O delegado responsável pelo caso,  Augusto Nogueira Pinto, titular da 16ª DP, afirmou que Ronaldo confundiu a travesti com uma garota de programa, a levando para um motel. Para ele, o jogador contou que “queria esquecer dos problemas” e “extravasar com pessoas que não eram do seu convívio diário”.

Quando chegou ao motel, ele teria chamado mais duas mulheres para participar. Ao perceber que uma dela era uma travesti e que a outra havia ido buscar drogas, ele desistiu do programa. Para ficar calada, Andréa teria pedido R$50 mil.

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque.

publicidade