Em transmissão feita ao vivo, repórter é intimidada por dois homens: “Não é assim que funciona”

Um caso polêmico aconteceu nessa sexta-feira (25) e envolveu a repórter Branca Andrade, do SBT Rio. Durante uma transmissão ao vivo, realizada nessa sexta-feira em um terminal de ônibus na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro, a jornalista foi intimidada por dois homens enquanto estava trabalhando. Branca Andrade falava sobre a greve de funcionários do BRT e foi coagida por dois homens, que não se identificaram, e se colocaram entre ela e a câmera.

Existem imagens do primeiro homem se aproximando e coagindo a repórter, que diz que está em transmissão ao vivo e o pede licença. Entretanto, a jornalista acaba sendo ignorada pelo sujeito que se aproxima cada vez mais.

“Neste momento estamos tendo a nossa liberdade de expressão cerceada, como você pode ver”, disse Branca ao ser intimidada. “O senhor pode se afastar, por favor? O senhor está atrapalhando o meu trabalho, não é assim que funciona”, desabafou Branca se dirigindo ao suposto funcionário do terminal.

A repórter procurou se movimentar para sair daquela situação, porém o homem seguiu a mulher alertando que ela deveria circular e não poderia ficar parada. Nesse momento, um segundo homem chegou a se juntar ao primeiro sujeito. Diante da situação incomum, a repórter começou a tremer ao ser coagida pelos homens.

O SBT repudiou “veementemente” a agressão feita à equipe da repórter Branca Andrade e do repórter cinematográfico Edson Santos. “O jornalismo presta um serviço essencial para a população e não deve sofrer nenhum tipo de censura. Depois da repercussão imediata do caso na TV aberta e redes sociais e manifestação de diversas autoridades, inclusive do prefeito do Rio Eduardo Paes, a equipe conseguiu realizar seu trabalho e informar os telespectadores sobre os efeitos da paralisação”, explicou a emissora por meio de nota.

O SBT agradece também à Polícia Militar do Rio de Janeiro que prontamente foi até o local para garantir a integridade dos profissionais e pede a imediata identificação dos envolvidos”, continuou.

O prefeito Eduardo Paes informou que determinou ao secretário de Ordem Pública a devida apuração do caso e que os coatores respondam pela ação. “Absurdo! Certamente nenhum desses sujeitos tem qualquer relação com a prefeitura”, comentou o prefeito por meio do Twitter.

Da redação do Acontece na Bahia

Foto: (Reprodução/SBT Rio)

Tag(s): .

Categoria(s): Artistas, Destaque.

Após captura de Lázaro Barbosa repórter da Globo é vista dançando ao vivo

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta terça-feira (29). Nos momentos em que era noticiado a prisão do fugitivo da justiça Lázaro Barbosa na manhã dessa segunda-feira (28), a repórter Giovanna Dourado da TV Globo foi vista dançando ao fundo na transmissão feita pela Record TV sobre o fugitivo.

Giovanna esteve em transmissão ao vivo exibida no programa ‘Mais Você’ (Globo), para comunicar a captura de Lázaro Barbosa. Naquela ocasião ainda não havia sido divulgado oficialmente a morte do foragido. Diante da dança da jornalista, houve muitos comentários nas redes sociais.

O gesto de Giovanna foi reconhecido por muitas pessoas como um desabafo, uma atitude para lavar a alma e celebrar o fim dos trabalhos. O fugitivo era acusado de matar quatro pessoas de uma mesma família em Ceilândia, além de outros crimes.

“O repórter anunciando a captura do Lázaro e a mulher lá atrás comemorando representa muito o brasileiro”, comentou um perfil. “O Brasil hoje está só repórter da Globo no fundo comemorando a prisão do Lázaro!”, disse outro. Mas não é só isso…

Cauê Fabiano, do ‘Mais Você’ criticou o final do caso com a morte do fugitivo.”Lázaro era um assassino. Um criminoso da pior espécie. Deveria passar o resto de seus dias preso. Mas também deveria ter sido capturado, para que entregasse todos os outros criminosos com os quais se relacionou, e que o ajudaram”, comentou.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

“Cala a boca”; dispara Bolsonaro a repórter após ser indagado sobre problema recorrente

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta segunda-feira (21). Uma fala do presidente Bolsonaro durante cerimônia de formatura da Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), nesta segunda-feira (21), causou certa polêmica quando mandou uma repórter da TV Vanguarda, afiliada da TV Globo, calar a boca, ao ser questionado sobre o não uso de máscara de proteção durante agenda em Guaratinguetá (SP).

O chefe do executivo federal não usava máscara de proteção durante a cerimônia e cumprimentou simpatizantes que estavam no ambiente. Quando questionado sobre as 500 mil mortes em decorrência da Covid 19, Bolsonaro disse que ‘‘lamenta todas as mortes’’.

O presidente Bolsonaro foi questionado sobre o motivo de não ter usado a máscara de proteção durante o evento e comentou:“Olha, eu chego como eu quiser, onde eu quiser, eu cuido da minha vida. Se você não quiser usar máscara, não use. Agora, tudo o que eu falei sobre Covid, infelizmente, para vocês, deu certo”, comentou o presidente Bolsonaro.

Ainda durante a coletiva o presidente voltou a se manifestar a favor do tratamento precoce que se baseia no uso de medicamentos sem comprovação científica contra a Covid 19. Bolsonaro disse na ocasião que o kit Covid salvou sua vida e pediu que a imprensa não fale mais sobre este assunto. No momento da entrevista o presidente tirou a máscara de proteção e fez um desafio aos jornalistas presentes para que noticiassem o gesto.

“Parem de tocar no assunto. [Presidente tira a máscara] Você quer botar… Me bota agora… Vai botar agora… Estou sem máscara em Guaratinguetá. Está feliz agora? Você está feliz agora? Essa Globo é uma merda de imprensa. Vocês são uma porcaria de imprensa”, disse o presidente.

Na sequência uma jornalista da TV Vanguarda questiona o presidente mas é cerceada: “Cala a boca. Vocês são canalhas. Fazem um jornalismo canalha vocês fazem. Canalha, que não ajuda em nada. Vocês não ajudam em nada. Vocês destroem a família brasileira. Destroem a religião brasileira. Vocês não prestam. A Rede Globo não presta. É uma péssima [sic] órgão de informação”, finalizou o presidente.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Repórter da Globo deixa apresentadora surpresa após anunciar sua demissão ao vivo no final de reportagem

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais neste sábado (15). O público da TV Liberal, afiliada da TV Globo no estado do Pará, foi pego de surpresa após um comunicado que aconteceu nessa sexta-feira (14). A jornalista Tatiane Lobato anunciou a sua demissão ao vivo no momento final de uma reportagem.

A decisão da repórter foi anunciada durante a transmissão do Jornal Liberal 1ª Edição, que é apresentado por Priscilla Castro, e aconteceu nos momentos finais em que a repórter encerrava a sua fala na matéria que tratava sobre vacinação. Tatiane aproveitou a oportunidade e fez o comunicado para o público.

Priscilla, pra encerrar essa minha participação nessa sexta-feira, apenas me despedir e agradecer pela oportunidade. Encerro hoje meu ciclo na TV Liberal. Desejo saúde pra todo mundo, muito sucesso e até a próxima”.

A apresentadora Priscilla, que estava na redação, ficou surpresa no momento em que recebeu o comunicado da repórter. Disse que não sabia da intensão de Tatiane Lobato de deixar a TV Liberal e desejou sucesso para a jornalista.

‘‘Tati… me pegou aqui de surpresa, até, não acredito… mas enfim. A gente ainda vai se falar na redação. Te desejo toda a sorte do mundo como sempre, obrigada por essa super parceria aqui. Você que é muito querida na redação como um todo. Fez um trabalho excelente com a gente e vai fazer onde estiver. Obrigada, Tati”.

Da redação do Acontece na Bahia

FOTO: Reprodução/GLOBOPLAY

Tag(s): , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.