Lula defende novo programa de Bolsonaro, mas faz ressalva: “Problema dele se tentar tirar proveito disso”

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quarta-feira (20). O O ex-presidente Luíz Inácio Lula da Silva (PT) se mostrou favorável e defendeu o Auxílio Brasil, criado pelo governo federal para ser o substituto do Bolsa Família, programa social foi criado na primeira gestão do ex-presidente Lula. Contudo, ele também fez críticas.

De acordo com o ex-presidente Lula, o valor disponibilizado deveria ser acima de R$ 400, quantia proposta inicialmente pelo governo federal. O petista ainda fez críticas a quem é contrário ao novo programa social. Confira:

“Eu não penso assim. Faz mais de 5 meses que o PT pediu um auxílio de 600 reais. O PT pediu um novo Bolsa Família de 600. Problema dele se tentar tirar proveito disso. Se alguém acha que vai ganhar um auxílio de R$ 600 paciência, eu acho que ele tem que dar”, contou o ex-presidente Lula nesta quarta-feira (20), em entrevista exibida ao programa Isso é Bahia, na rádio A Tarde FM 103,9.

Algumas divergências entre o Planalto e a equipe econômica resultou no adiamento do Auxílio Brasil, previsto inicialmente para essa terça-feira (19). O valor proposto extrapola o teto do orçamento de gastos. O benefício deverá ser pago até dezembro de 2022, de acordo com previsão inicial do governo federal.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional, Politica.

publicidade