BBB21: Globo é criticada após omitir suposta fala racista de ViihTube da edição do programa

Uma notícia está sendo destaque neste domingo (11). Após ViihTube fazer uma declaração considerada racista no BBB21, internautas criticaram a Globo por não exibir o momento na edição do programa.

Em uma conversa com Caio no Quarto Cordel, a youtuber falava dos seus desentendimentos com a paraibana Juliette e afirmou que Juliette teria uma “inveja branca” dela.

“Parece que sempre que eu vou bem em uma prova, ela fica tipo: ‘nossa, como que ela consegue ganhar a prova, ir bem e eu não?’ A Thaís, quando eu vou bem, ela chora. Ela fica muito feliz por mim, às vezes eu sinto que ela (Juliette) fala que fica feliz por mim, mas no fundo ela está com uma inveja branca”, disse ViihTube.

No mesmo momento, os fãs do programa repudiaram as falas da participante. “Para quem não sabe, inveja branca é um termo racista, neste caso, a cor branca é, de maneira pejorativa, associada a algo positivo, legal”, explicou uma internauta.

Mas não foi apenas isso que incomodou o público. Durante a edição do programa, a fala da youtuber foi omitida e os internautas acusaram a emissora de terem dado uma “passada de pano”.

“Viih Tube fala sobre “Inveja Branca”.
Kd a Globo, agora, para militar racismo?? Cortou até da edição”, disse uma internauta.

O termo “inveja branca” é considerado racista justamente por amenizar um sentimento ruim, como se o adjetivo “branco” fosse capaz de suavizar, aliviar. Em oposição, “preto” ou “negro” é sempre usado para piorar a associação.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

BBB21: Delegacia de Crimes Raciais abre investigação para apurar racismo no reality após episódios de João e Rodolffo

Uma notícia está sendo destaque nesta terça-feira (06). Após os episódios do BBB21 envolvendo João Luiz e Rodolffo, a Polícia Civil do Rio de Janeiro irá analisar as imagens para apurar crime de preconceito racial.

Para relembrar, no “Jogo da Discórdia” de ontem, João Luiz revelou a casa um comentário de Rodolffo que o magoou muito: Rodolffo comparou a peruca da fantasia do Castigo do Monstro que era de homens da caverna, com o cabelo de João.

No programa de ontem, João falou:
“Muita gente aqui pode não saber. Mas no sábado aconteceu uma situação no Quarto Cordel (…) Rodolffo chegou a fazer uma ‘piada’ comparando a peruca do monstro da pré-História com meu cabelo. Isso para mim tocou num ponto específico. Porque o jogo pode ser, sim, de coisas que a gente vive aqui dentro. Mas este também tem que ser um jogo de respeito”.

Assim, em uma nota publicada pela assessoria de comunicação da delegacia especializada de crimes raciais, a polícia comunicou a avaliação das filmagens do programa.

“De acordo com a Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (DECRADI), foi instaurado procedimento para apurar o crime de preconceito racial. Imagens estão sendo analisadas e as investigações seguem em andamento”.

 

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque.

Meninos negros são agredidos e arrastados por seguranças do Salvador Shopping; Clientes gravam toda a ação violenta dos seguranças

Na manhã desta terça-feira (29) circulou nas redes um vídeo lastimável. Segurancas do Shopping Salvador agridem e arrastam uma criança e um adolescente na frente de dezenas de clientes. A ação violenta foi registrada por pessoas que passavam pelo estabelecimento.

De acordo com informações do site BNews, os garotos foram arrastados pelos seguranças até o fundo do shopping e nenhuma das pessoas que estavam gravando puderam acompanhar. Não há informações do que houve com os meninos após isso.

O vídeo mostra cenas lastimáveis e foi compartilhado nas redes sociais pela gestora de projetos Ágatha Ferreira. Ela comentou na publicação sobre o ocorrido: “O que aconteceu com essa criança? Quem paga a conta? Não interessa o que ela fez. Não interessa nem se ela fez. Uma criança branca seria tratada da mesma forma? Esse garoto ao menos é visto como uma criança. Sua infância foi roubada. O vídeo é doloroso, estarrecedor. Até quando? Tô exausta”.

A administração do Shopping afirmou que “lamenta profundamente” o ocorrido e que os seguranças envolvidos agiram de forma violenta e despreparada. “O fato está sendo apurado internamente para a individualização das responsabilidades e aplicação das sanções cabíveis”, afirmou a administração do shopping.

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.

Após colaborar com atitude racista de jogador, Mano Menezes é demitido do Bahia

Na noite desse sábado a diretoria do Esporte Clube Bahia demitiu o treinador do time de futebol Mano Menezes. O fato ocorreu após a partida contra o flamengo pela série A do Brasileirão, em que o time perdeu por 4 a 3.

Entretanto, o treinador não foi demitido devido a derrota, e isso por colaborar com ato racista de jogador do Bahia.

A confusão começou quando o meia-atacante do Bahia, Juan Ramírez, supostamente atacou o volante do Flamengo, Gerson. Segundo o próprio Gerson, o colombiano teria falado “cala a boca, negro”. Assim, toda confusão começou, Gerson partiu para cima do colombiano para tirar satisfações e afirmou para a arbitragem que havia sofrido um ato de racismo.

Dessa forma, Mano entrou na discussão para defender o jogador do próprio time, afirmando que a atitude de Gerson não passava de “Malandragem”. No final do jogo, o volante Gerson falou com a imprensa e repudiou a atitude de Mano Menezes, que deveria retaliar a ação de Ramírez.

Após a confusão, Mano comentou sobre o assunto: “É um assunto extremamente sério que envolve o mundo e, consequentemente, o Brasil. Não temos um relato ou uma imagem, o fato de Ramírez ter falado para Gérson qualquer coisa desse tipo. Lógico que, quando não temos, ficamos do lado desse jogador. O que pareceu para a gente naquela hora foi que a gente cresceu no jogo, tínhamos feito o 2 a 1, e estava uma tentativa de paralisar o jogo e retirar um jogador nosso para igualar. Mas o Gérson é um jogador sério, merece todo o respeito e o clube vai fazer um acompanhamento e uma investigação do que realmente aconteceu”.

“O Bahia tem um compromisso com isso, ninguém da comissão técnica nossa apoiaria nenhum tipo de situação como essa. Se acontecer de, depois da conversa com o jogador, as coisas serem esclarecidas amanhã ou quando o time se reapresentar, não só o tribunal provavelmente vai fazer uma denúncia, mas o Bahia vai tomar suas providências. Não tem sentido nenhum essa atitude, se ela realmente aconteceu”, completou o treinador.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.