Vítima da explosão do caminhão em posto de combustíveis morre em Rio Claro

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quinta-feira (1). Faleceu em Rio Claro SP, nesta quinta-feira, uma das vítimas da explosão que aconteceu em um posto de combustíveis da Rodovia Washington Luís, de acordo com a Santa Casa.

A morte do paciente Jovino Rocha de Andrade, 42 anos, foi confirmada às 4h10. Jovino foi uma das vítimas em estado grave do acidente ocorrido na noite de quarta-feira (30) que atingiu 15 pessoas, sendo que duas em estado grave. De acordo com informações, até as primeiras horas desta quinta-feira, cinco pessoas haviam sido encaminhadas para a Santa Casa e dez para Unidade Básica de Saúde (UBS), de Ipeúna. Quatro pessoas permaneciam internadas e seis tiveram alta médica.

A tragédia aconteceu por volta de 18h40, no posto Confiante, km 175 da Rodovia Washington Luís (SP-310), quando o caminhão que estava carregado com produtos químicos explodiu. A explosão foi tão forte que o deslocamento de ar ocasionou danos no posto e restaurante além de danificar residências em um raio de 15 km, de acordo com a Defesa Civil. Mas não é só isso…


As vítimas foram atendidas ainda no local pelo resgate do Samu, (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).O motorista e uma outra pessoa que estavam em estado grave precisaram passar por cirurgia. As outras vítimas tiveram queimaduras de 2º e 3º graus, além de inalarem muita fumaça.

No espaço onde o caminhão explodiu se formou uma cratera de dois metros em razão da força do impacto, além de vários ferros retorcidos nas proximidades. A Defesa Civil informou que não há risco de novas explosões no local. As investigações serão conduzidas pela Polícia Civil.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

“Você sabe com quem está falando?”: Jovem acusa cantor sertanejo de agressão em posto de combustíveis

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quarta-feira (21). O jovem Gael Silvério de Souza, 23 anos e técnico em informática, acusa o cantor sertanejo Mateus Castro, da dupla Théo e Mateus, de agressão em um posto de combustíveis de Goiânia. O jovem relata que recebeu golpes no rosto que provocaram corte próximo do olho. A Polícia Civil investiga o caso.

Até o momento o cantor sertanejo não se manifestou sobre o ocorrido e nem apresentou defesa. Além disso, foram excluídas as redes sociais de Mateus e da dupla sertaneja.O jovem informou que foi até o local da agressão para conseguir imagens de câmeras de segurança mas teve o seu pedido negado.

Na noite da confusão, Gael estava numa loja de conveniência de um posto de combustível, localizado na Avenida Jamel Cecílio, bebendo com um amigo. O sertanejo teria chegado até o local em uma caminhonete.”Eles sentaram encostados no carro do meu amigo e começaram a trocar ideia com as pessoas que estavam do nosso lado. Ele escorou a bebida, a pizza no carro do meu amigo e começou a derramar, meu amigo chamou a atenção de longe, e ele ignorou”, contou Gael.

Segundo informações de Gael, o seu amigo pediu mais uma vez que Mateus tirasse a pizza do carro e o sertanejo ficou irritado. De acordo com o jovem, Mateus ofendeu o grupo de amigos com xingamentos. Gael disse que pediu para Mateus não ofender o seu amigo.”Você sabe quem eu sou? Não sabe com quem está falando”, disse o cantor, segundo Gael.

O jovem informou ao sertanejo que não se importava com quem ele era e novamente pediu que a caixa de pizza fosse tirada de cima do veículo. Nervoso, o sertanejo agrediu Gael com um soco no rosto, segundo informações da própria vítima. O jovem caiu por cima da barra de ferro do estacionamento e bateu com a cabeça. Ainda tonto por ter batido a cabeça na barra de ferro, Gael tenta se levantar e recebe outro soco que o faz cair novamente.

“Como estava de óculos, ele rasgou meu rosto. Comecei a sangrar muito. Meus amigos começaram a gritar com ele. Aí os amigos dele o pegaram e foram embora. Ele disse ainda que voltaria armado e iria atirar na gente”, disse Gael.

Gael registrou ocorrência no dia 13 de abril, um dia depois dele ter sido agredido. Fez exame de corpo de delito e aguarda a sequência das investigações. De acordo com o delegado Breynner Vasconcelos, o laudo das agressões dirá o tipo de crime sofrido. Informou ainda que solicitará as imagens das câmeras de segurança e que Gael dará depoimento ainda nesta semana.

 

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.