Salvador: Em troca de tiros, policial é baleado por grupo armado

Uma notícia tem sido destaque ainda nesta terça-feira (4).  Isso porque um policial militar acabou sendo baleado em uma troca de tiros.

O fato ocorreu na noite da última segunda-feira (3), na avenida Afrânio Peixoto, bairro de Praia Grande – Salvador. Segundo as informações da Polícia Militar, a 18ª CIPM foi acionada por volta das 21h30, para atender uma ocorrência de disparos de arma de fogo contra um homem identificado como sendo policial militar.

A PM informou, ainda, que indivíduos armados invadiram o local onde o policial estava, iniciando, assim, uma troca de tiros, no qual o militar foi atingido. Quando a guarnição chegou ao local, foi constatado o fato e levaram a vítima para o Hospital do Subúrbio, em Salvador.

O policial militar passou por cirurgia, está internado na UTI do Hospital do Subúrbio e tem estado de saúde considerado estável.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.

Salvador: Policial Militar é baleado durante patrulhamento

O departamento de Comunicação da Social da Policia Militar informou que neste domingo (2) um policial militar foi baleado em uma ação policial, em Salvador.

Segundo o departamento, uma equipe da Companhia de Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) fazia o patrulhamento na região do Nordeste de Amaralina, em Salvador, quando teria sido alvejada por tiros.

A situação teria acontecido na Rua Emídio Pio Sucupira, por volta das 11h. De acordo com as primeiras informações, o PM, atingido na perna, foi socorrido e encaminhado ao Hospital Geral do Estado (HGE).

Ainda segundo a PM, policiais da Rondesp Atlântico e da 40ª CIPM estão no local para reforçar o policiamento, mas a ocorrência ainda está em andamento.

Ainda não foram divulgadas mais informações sobre o policial, nem sobre seu estado de saúde.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.

Salvador: Homem morre após confronto com a polícia militar na Fazenda Grande do Retiro

Ainda neste domingo (2), uma notícia impacte tem destaque nas mídias sociais. Isso, porque um homem foi morto durante operação policial em Salvador

O fato ocorreu na noite do último sábado (1), no bairro da Fazenda Grande do Retiro, Salvador, durante operação policial realizada pela Policia Militar. Um homem foi morto e com ele foram encontrado uma pistola calibre 40, dois carregadores, 25 pinos de cocaína, três aparelhos celulares e R$ 50.

Segundo policias militares da Operação Apolo, eles foram recebidos por disparos de arma de fogo por um grupo de homens armados, que fugiram em seguida, enquanto faziam rondas na localidade conhecida como “nó de pau”, por volta das 20h30. A quantidade de suspeitos, no entanto, não foi detalhada.

Com o avanço da guarnição, outro grupo realizou mais disparos, o que resultou em uma troca de tiros entre os suspeitos e a PM.

Com a fuga dos envolvidos, os militares avançaram ainda mais na localidade e avistaram um deles entrando em uma residência, na Travessa Marotinho, ainda realizando disparos contra a guarnição, que também revidou.

A equipe policial identificou o suspeito ferido dentro da casa e, em seguida, prestaram socorro, o encaminhado para o Hospital do Subúrbio, também na capital baiana. Contudo, o homem não resistiu e veio a óbito.

A ocorrência foi registrada na Corregedoria, segundo informações da Polícia Militar.

da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.

Homem é “preso em flagrante” por atirar ovos, urina e cubos de gelo em manifestantes pró-governo

Um caso inusitado chamou a atenção neste domingo (2). No último sábado, um homem foi preso suspeito de jogar ovo, urina e cubos de gelo em manifestantes a favor do presidente Jair Bolsonaro, na avenida Afonso Pena, Região Central de Belo Horizonte.

Policiais militares entraram no prédio, foram até o apartamento, entraram no imóvel e fizeram a prisão em flagrante. O deputado estadual Bartô (Novo), que participava da manifestação, também entrou no edifício.

Segundo o deputado, ele afirma ter visto o homem no alto do prédio, apesar de não haver vídeos que registram a ação, mas apenas depoimentos de testemunhas.

O advogado que defende o rapaz preso, Rafael Pitzer, disse que a prisão foi arbitrária e houve abuso de poder. O advogado afirmou, ainda, que se trata de uma ação política e não prisão em flagrante.

O homem foi reconhecido por pessoas que estavam no protesto e foi levado para prestar esclarecimentos na Central de Flagrantes 2, bairro Floresta na Região Leste de Belo Horizonte.

Segundo a Polícia Militar, ele vai responder pelos crimes de arremesso de objeto ou colocação perigosa, injúria e ameaças.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.