Após queda do avião em manguezal, equipes do Corpo de Bombeiro retomam as buscas para encontrar o corpo do piloto

Uma notícia tem sido muito divulgada neste final de semana. Isso porque a equipe da Corporação do Corpo de Bombeiro retomaram as buscas neste sábado às 8h30 da manhã, na tentativa de encontrar o corpo do piloto, Adriano Leon, de 32 anos, que estava no avião que caiu em manguezal ao sair do Nordeste com destino a Minas Gerais.

Segundo o portal G1, com informações do tenente-coronel Carlos Alves, foram utilizados caminhões e uma Bomba de sucção, para drenar a água e retirar uma peça que poderia ser o motor do avião. 

Ainda de acordo com o portal, a esperança de encontrar o piloto da aeronave ainda com vida, foi diminuída. Pois, a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe comunicou que, que os exames feitos nos restos mortais encontrados perto do avião são de Adriano.

O acidente aconteceu no início da tarde da última quinta-feira (6). O avião estava saindo do aeroporto de Aracaju com destino a Minas Gerais, quando apresentou problemas na aeronave e caiu dentro de um manguezal, afundando por cerca de 2 metros.

Adriano Leon, de 32 anos, fez faculdade de ciências aeronáuticas em Belo Horizonte (MG). Ele deixa a esposa, Michelle Rodrigues, que está grávida e estava preparando uma surpresa, pois o piloto ainda não sabia que iria ser pai.

Leia também o portal do nosso editor www.romulofontoura.com.br

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Desparecido há 36 dias, piloto de avião é encontrado com vida na mata por catadoras de castanha

O piloto Antonio Sena,36 anos, ficou desaparecido por 36 dias até ser encontrado no sábado (6) por catadores de castanha em Santarém, oeste do Pará.Toninho, como é conhecido, teve alta médica de um hospital particular neste domingo (7) e apesar do susto, o piloto passa bem tendo apenas algumas escoriações no corpo, fraqueza e perda de peso. 

Ativo nas redes sociais, o piloto esbanjava boa forma e é adepto de esportes como o surf. Com uma vida social bastante movimentada, o piloto aproveitou de sua influência para abrir negócios na área de entretenimento. Mas não é só isso.

Até ser resgatado, Antonio precisou superar os desafios e perigos da mata densa em Almeirim, município que fica próximo à divisa do Pará com o Amapá. Estava desaparecido desde o dia 28 de janeiro quando decolou de Alenquer, oeste do Pará. 

 

Da redação do Acontece na Bahia  

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional, Social.