Cineasta é morto pelos próprios pais por nunca ter sido casado; Os pais também matou outra filha e um genro

Uma notícia chocante está sendo destaque nesta quinta-feira (20). O Cineasta iraniano Babak Khrramdin, de 47 anos, foi morto pelos próprios pais, por conta de nunca ter se casado. Babak havia retornado ao seu país e decidira confrontar o pai e a mãe sobre a sua decisão de não se casar. As informações são do portal G1.

Por conta disso, os pais ficaram inconformados e cometeram o crime na alegação de ser um “crime de honra”. Ele foi assassinado, tendo seus membros arrancados e sendo jogado em sacos de lixo e numa mala, que foram encontrados no oeste de Teerã.

De acordo com a revista Monet, o pai do cineasta assumiu o assassinato e informou que anestesiou o filho, o matando com golpes de faca, jogando no lixo o corpo. Ele contou com a participação da mãe de Babak. A polícia encontrou as evidencias do assassinato e prendeu o casal. Mas não é só isso.

O casal também assumiu às autoridades o assassinato de sua filha há 3 anos e de um genro, há 10 anos, todos usando o mesmo método. Em tribunal, ele revela não se arrepender dos crimes.

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque.

Com foto da casa, Yudi desabafa em rede social sobre a internação dos pais: “Para que uma casa grande, carros na garagem, dinheiro na conta?”

Uma notícia está sendo destaque nesta terça-feira (23). O cantor Yudi Tamashiro fez um desabafo emocionado em suas redes sociais sobre a internação de Covid-19 de seus pais, Nelson e Tânia Tamashiro. Na publicação, onde ele posta a imagem da sua casa, ele diz:

“Você já agradeceu pela sua vida hoje? Para que uma casa grande, carros na garagem, dinheiro na conta? Quem olha de fora nem imagina a bagunça que está aqui dentro, quantas lágrimas tem molhado esse chão, sem namorada, nem mãe, nem pai aqui dentro, somente o aumento do meu relacionamento com Deus”.

“Hoje vi meu jardim morrendo e lembrei que meu pai rega essas plantas todos os dias, hoje tive que varrer a casa por causa do pêlo do meu cachorro e lembrei que minha mãe faz isso todos os dias. Saudade de ter eles aqui comigo. Saudade do olhar deles me olhando com medo dos meus próximos passos”.

Na semana passada, Yudi fez uma oração em frente ao hospital onde os pais estão internados e orou pela vida deles.

“Eu tô fazendo isso não só pela minha família. Eu tô com um cajado nas minhas mãos e bato dentro deste hospital, e que isso sirva de exemplo para todos os que estão passando por uma dificuldade por causa desse vírus”.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Após pai sofrer infarto e estar com a Covid-19, mãe de Yudi Tamashiro é hospitalizada; “Me bateu mais desespero”, diz Yudi

Uma notícia está sendo destaque nesta sexta-feira (19). O apresentador Yudi Tamashiro veio mais uma vez dar informações sobre o estado de saúde de seu pais, que estão internados por conta da Covid-19. A irmã de Yudi também está contaminada, mas sem necessidade de hospitalização. O estado do pai do apresentador ainda continua grave por conta do infarto que sofreu na última segunda feira e a mãe está muita falta de ar.

“É a primeira vez que entro na minha casa e meu pai e minha não estão na sala assistindo a novela deles. Meu pai está intubado, ele teve uma parada, está com problema nos rins e parece que vai ter que fazer hemodiálise. Encheram ele de medicamento para tentar voltá-lo a estabilidade”

“Levei minha mãe no hospital também, ela estava com muita falta de ar. O médico falou que era interessante internar a minha mãe, só que não tinha vaga no hospital particular. Aí me bateu mais desespero ainda. Fiz a correria, levei num hospital público e conseguimos internar minha mãe. Mas gente, quero que vocês entendam: tá uma loucura para todos”, diz Yudi.

O apresentador contou sobre sua desesperadora situação através de um vídeo bastante emocionado no Instagram. Alguns dias antes, Yudi comunicou que o pai estava com Covid e internado. Nas redes sociais, fãs e amigos desejam uma boa recuperação ao jovem e torcem pela cura de todos.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Após erro de juiz, casal é obrigado a devolver bebê que esperou anos para adotar: “Sempre tive o sonho”

Um caso causou revolta na população nesta quinta-feira (17). Após receber um bebê num processo de adoção, um casal foi obrigado a devolver a criança para o abrigo. Contudo, isso não aconteceu por culpa do casal em si, mas sim por conta de um erro do juiz.

A jovem empresária Gabriela Fernandes Moreira, de 23 anos, e o marido dela, Thallys Lima, moram no Cerá e receberam uma feliz notícia. Nutrindo a expectativa de adotar um filho há anos, um jovem casal ficou radiante de felicidade após finalmente receber um chamado. Eles tem dificuldades para gerar filhos, por isso esse momento sempre era muito aguardado pelos dois.  O casal foi comunicado que um bebê de um mês estava disponível para a adoção num abrigo. Então, logo em seguida o juiz que toma conta do caso deu sinal verde para que eles começassem o processo de adoção. Todavia, o casal não esperava que precisasse devolver a criança.

Depois do casal passar vários fins de semana com o bebê e criar vínculos afetivos, o casal recebeu outro chamado, dessa vez do próprio juiz. Eles se encontraram para conversar e o juiz explicou que a adoção não poderia ser concluída por conta de um erro dele. Pedindo desculpas, o magistrado disse que se descuidou e acabou não verificando se o casal possuía um certificado de um curso necessário para os pleiteantes à adoção. Contudo, Gabriela fez esse curso e concluiu, mas não conseguiu o documento de certificado, mesmo indo inúmeras vezes ao fórum para cobrá-lo.

Desabafo e recurso na Justiça

Então, por causa desse erro no processo, o casal acabou precisando devolver a criança. Diante da situação, Gabriela desabafou chorando muito.

“Eu estou revoltada! Revoltada! Quem me conhece pelo menos um pouco sabe o sonho que eu tinha. Sempre tive o sonho de ser mãe. Muitas vezes eu fui no fórum procurar esse certificado!”

Agora o casal continua lutando na justiça para ter o bebê de volta. Eles entraram com um recurso para conseguir consolidar a adoção. Entretanto, depois de voltar ao abrigo, o bebê já foi até entregue a outro casal, o que dificulta ainda mais o processo. A história está repercutindo nas redes e gerando muitas mensagens de apoio para o casal, que ainda deve enfrentar um grande jornada.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Nacional.