Após morte do cantor de forró Dedim Gouveia, filho dele também precisa ser internado por problemas com infecção

Uma triste notícia tem destaque nesta quarta-feira (21). Isso, porque um dos filhos do cantor Dedim Gouveia luta contra uma infecção bacteriana.

Dois dias após a morte do cantor Dedim Gouveia, que morreu também por complicações do Covid-19, seu filho, Benedito Delano Gouveia Lima Gouveia, de 37 anos, encontra-se em estado grave por conta de uma infecção bacteriana após complicações do novo coronavírus.

Benedito inicialmente foi atendido em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), entretanto segue internado no Instituto Doutor José Frota (IJF).

Joana Paula, esposa do cantor Dedim Gouveia, relatou que a família está muito abalada. Ela conta também sobre o estado de saúde do filho do cantor cearense.

“Ele foi entubado no dia 30 de março, pois a saturação caiu e logo foi transferido ao IJF”.

Durante a internação, Delano Gouveia chegou a passar por uma traqueostomia, procedimento indicado quando há acumulo de secreção traqueal, inativação da musculatura respiratória ou para promover uma aérea estável em paciente com intubação traqueal prolongada.

“O vírus Covid-19 ele já nem transmite mais, mas as sequelas são bem agravantes”, explicou a esposa de Dedim.

Segundo relatórios médicos à família, a bactéria causadora da infecção já foi detectada, e Delano Gouveia recebe tratamento por antibióticos.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque, Nacional.

Após confusão, cantora Joelma fala sobre o fim do casamento: “A gota d’água foi meus filhos presenciarem”

Ainda nesta quarta-feira (21), as mídias sociais comentaram sobre as declarações feitas por Joelma sobre o fim do seu casamento com Ximbinha.

Em entrevista para a revista “Quem”, a cantora contou que tentou esconder da família as brigas do casal.

“Não deixar acontecer, tem que lutar muito… Aconteceu no início comigo. Bem no início e no final do meu relacionamento. Mas quando começou a afetar os meus filhos, eu decidi que isso não podia mais acontecer. Acho que nosso casamento durou muito ainda, porque a gente trabalhava demais. E o trabalho era o meu refúgio. Eu aguentava, porque ali eu me refazia, me renovava, me reiventava. E isso me segurou muito na relação. Mas quando começou a afetar os meus filhos, eu disse: ‘Agora, não dá mais’. Quando é só com você, ainda dá para segurar. Como a gente passava pouco tempo em casa, eles nunca viram acontecer. Quando meus filhos presenciaram (a agressão por parte de Ximbinha), foi a gota d’água. Aí, tomei a decisão e foi a melhor coisa que fiz para não deixar acontecer com eles, o que aconteceu comigo”, relembra.

Já em entrevista para o fantástico, Joelma, expondo sua dor, gerou uma onda de comoção e empoderamento ao servir de exemplo para outras mulheres que viviam na mesma situação que ela.

“Percebi quando me separei. Chegava nos aeroportos e em vários lugares e as mulheres me abraçavam e agradeciam dizendo que salvei a vida delas. E eu ficava pasma e dizia: ‘Mas eu não te conheço’. E elas diziam que quando dei um basta, incentivei elas a tomarem a melhor decisão da vida e agora elas eram felizes e livres”

Joelma afirma, ainda, que perdoou Ximbinha, mas não mantém contato com ele.

“Teve uma mulher, uma vez, que me disse que estava há 10 anos sofrendo pelo ex-marido. Isso é tempo demais! Eu consegui superar porque aprendi a perdoar. Quando você perdoa, aquela coisa horrível sai de você, junto com aquele rancor, aquele ódio. Para você ser feliz de verdade, tem que aprender a perdoar. E tem que aprender a pedir perdão também quando erra. Eu peço perdão quando erro com meus filhos. Nós somos seres-humanos imperfeitos. Aprendi que para ser feliz de verdade é preciso perdoar e pedir perdão. Mas não é uma coisa fácil. Você tem que entender que perdoar não é confiar. Perdoa, mas não precisa conviver, chegar perto”, justifica.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque, Nacional.

Cantor Aldiran, da Unha Pintada, emociona a todos ao cantar Irmão Lázaro, após período complicado de internação

Uma notícia está sendo destaque nesta segunda-feira (19). O cantor Aldiran, da banda Unha Pintada, emocionou a todos no último domingo ao cantar uma música “Aquilo que parecia impossível”, de Irmão Lázaro. Ele está fazendo sessões de hemodiálise para tratar um problema renal, acometido desde março deste ano. Confira um trecho da música cantada por ele:

“Haverá um milagre dentro de mim
Vem descendo o rio pra me dar a vida
Este rio que emana lá da cruz
Do lado de Jesus
Aquilo que parecia impossível
Aquilo que parecia não ter saída
Aquilo que parecia ser minha morte
Mas Jesus mudou minha sorte
Sou um milagre e estou aqui”.

Relembre o caso:  Desde o final do mês passado, o vocalista da Unha Pintada vinha passando por momentos difíceis com a sua saúde. Com lesões “um pouco pesadas”, Aldiran ficou alguns dias internado cuidando de um problema renal  e agora segue realizando sessões de hemodiálise. Além disso, há pouco tempo ele teve problemas em seu joelho, chegando a romper algumas estruturas.

Mesmo com todos os problemas, Aldiran vem se mostrando um homem de fé e confiante em Deus. ” NÃO ABANDONE O BARCO 🙏🏻, o seu deserto servirá de testemunho para levantar alguém de novo🙏🏻 restaurar alguém de novo🙏🏻e vai ressuscitar os sonhos de alguém de novo🙏🏻🙏🏻🙏🏻NÃO ABANDONE O BARCO🙏🏻”, disse ele em uma postagem no Instagram.

 

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque.

Morre o cantor, músico e compositor baiano Keko Pires, poucas semanas depois de se apresentar em ponto turístico de Salvador

Nessa semana a música da Bahia perdeu um grande nome. Isso porque o cantor, produtor, compositor e músico baiano Keko Pires não resistiu. Mas afinal, o que aconteceu com ele?

Bastante conhecido por suas apresentações em bares, restaurantes e eventos, Keko trabalhava com músicas de alto nível. Seus estilos preferidos eram o jazz, o rock e o soul. Além disso, ele se apresentara há poucas semanas, no dia 19 de dezembro, num bar que fica no Porto da Barra, um dos pontos mais movimentados de Salvador.

Contudo, ele acabou contraindo coronavírus. Após lutar pela vida internado no hospital Jorge Valente, Keko infelizmente não resistiu. Recentemente, o cantor fez um clipe ao lado do músico Gerônimo Santana. Nas redes. Gerônimo desabafou: “Perdi um amigo na batalha contra a Covid-19: Keko Pires.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Nacional.