Após 40 anos separados, filha reencontra pai em MT e o leva para morar em PE

A intérprete de libras Ana Paula da Silva Nascimento, de 44 anos, viveu por quatro décadas sem saber o paradeiro do pai, Paulo José do Nascimento, de 67 anos. Apesar de tanto tempo sem ter contato ou qualquer notícia, Ana sempre teve esperança de um dia reencontrar o pai.

Ainda pequenos e em companhia da mãe, Ana Paula e o irmão, Ângelo Nascimento, atualmente com 42 anos, voltaram com a mãe de Ribeirão Preto (SP) para Pernambuco, na década de 1980. A partir de então, eles perderam o contato com o pai, que ficou em São Paulo. Após 40 anos sem contato, Ana Paula localizou o pai no município de Cocalinho (MT) e, agora, eles estão juntos em Jaboatão dos Guararapes (PE), região metropolitana do Recife.

Sem saber como e onde procurar, Ana Paula começou as buscas pela internet e contou com a ajuda de um amigo policial civil, em Pernambuco, que localizou um homem que tem o mesmo nome em Mato Grosso. Logo depois, pediu ajuda a um primo, que é policial no Distrito Federal. Esse policial repassou a situação para o setor de investigação da delegacia de Barra do Garças (MT).

Os agentes de polícia localizaram Paulo José e foram até a sua casa. O homem foi informado que sua filha o procurava. A princípio, Paulo José negou que tinha filhos, mas logo depois admitiu.

A intérprete de libras disse que pensou em desistir de encontrar o pai, mas os policiais a incentivaram a continuar a busca. Pai e filha se falaram em 25 de abril deste ano e a partir daí estão se dando bem.

“Falei com meu pai pela primeira vez em uma chamada de vídeo feita por um dos investigadores da polícia, insistiu em convencer meu pai em falar comigo. Depois daquele dia, nossa vida não foi mais a mesma. Em maio, viajei de Pernambuco para Mato Grosso para reencontrá-lo. Voltei pensando como ficaríamos longe um do outro, mas agora ele mora comigo. Estamos vivendo os dias mais felizes das nossas vidas”, disse Ana Paula.

Ana Paula e o irmão perderam contato com o pai em 1980. Na época, ela tinha três anos e o caçula, dois. A família de Ana Paula morava em Ribeirão Preto (SP), mas naquele ano os pais dela acabaram se separando.
A dificuldade financeira fez com que a mãe de Ana Paula, que já faleceu há 13 anos, voltasse para Pernambuco com os filhos. O pai de Ana Paula chegou a mandar duas cartas no ano em que o casal se divorciou, mas depois perdeu o contato. Após décadas sem ter contato com o pai, Ana Paula contou que não guarda mágoas.
“Não importa o que se passou nesse tempo, o que levou meu pai a perder contato conosco. Estamos vivendo o hoje, com o amor que sempre existiu um pelo outro. É tanta coisa para a gente conviver. Nossa rotina se resume a carinho, companheirismo, dedicação e cuidados”, disse.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Policiais fazem vaquinha e compram celular para menina de 11 anos acompanhar aulas online da escola em MT

Uma notícia tem circulado nas redes sociais nesta sexta-feira (21). Uma menina de 11 anos se encaminhou até a delegacia de Polícia Militar de Guarantã do Norte, MT, com o objetivo de prestar uma queixa. A garotinha se queixou de não poder acompanhar as aulas online da escola porque não tinha internet e muito menos um celular.

Os agentes que ouviram a queixa da menina ficaram comovidos com o que foi relatado e combinaram entre si que comprariam um aparelho novo para a garotinha. Foi organizado então uma vaquinha entre os policiais com o objetivo de arrecadar fundos suficientes para que pudessem ajudar de alguma forma Maria Eduarda. Mas não é só isso…

Segundo informações, a menina reside na zona rural de Guarantã do Norte MT, e assim que os policiais arrecadaram a quantia suficiente para comprar um aparelho celular, pediram que Maria Eduarda comparecesse à delegacia. A menina compareceu à delegacia no início da semana e ficou muito surpresa com o presente que recebeu dos policiais. Talvez não acreditasse que a sua queixa pudesse ter algum resultado em concreto.

Por meio de imagens divulgadas nas redes sociais é possível ver o momento em que a pequena Maria Eduarda recebe o celular das mãos de um policial. A menina prometeu que dali pra frente o seu desempenho escolar iria melhorar. Maria ficou super feliz com o presente que a ajudará nos estudos e o gesto dos policiais merece ser lembrado e compartilhado. Parabéns!

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Motorista atrasa entrega de vacinas contra a Covid-19 por desviar a rota e ir até prostíbulo

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta sexta-feira (7). Na noite desta quinta-feira (6), um motorista que não teve o seu nome divulgado foi parar na delegacia após ficar horas desaparecido enquanto fazia o transporte de vacinas contra a Covid-19. O incidente foi registrado na cidade de Santo Antônio do Leste, que fica 376 km distante de Cuiabá.

O homem tinha horário determinado para fazer a entrega mas não compareceu e não retornou as tentativas de contato da Secretaria de Saúde da cidade, que estava esperando as vacinas contra a Covid-19 e Influenza transportadas pelo homem. O motorista foi localizado por policiais horas depois visivelmente embriagado e com a justificativa que teria ido a um prostíbulo.

A Polícia Civil foi acionada no início da noite, segundo o boletim de ocorrência. O motorista fez a retirada dos imunizantes pouco depois das 15h no Escritório Regional de Rondonópolis (MT) e descumpriu o horário acertado com o setor de saúde de Santo Antônio do Leste.

O motorista não retornou as ligações e nem as mensagens do setor responsável e o caso foi tratado como um possível roubo. De acordo com a Polícia Civil, houve a mobilização de militares feita pela corporação para que fossem realizadas blitz no intuito de localizar o motorista, o que aconteceu quando ele saía de Primavera do Leste (MT), uma cidade próxima. Mas não é só isso…

De acordo com a polícia o motorista estava visivelmente bêbado e com marcas de batom pela roupa, e foi encaminhado à delegacia para dar esclarecimentos. À polícia o funcionário disse que desviou de sua rota e passou em um prostíbulo, que bebeu além da conta e se atrasou no horário determinado para fazer a entrega das vacinas. O homem foi liberado após assinar um termo circunstanciado.

Foi aberto um procedimento interno pela Prefeitura de Santo Antônio do Leste para apurar a conduta do funcionário que foi afastado de suas funções enquanto aguarda o julgamento do caso. A Secretaria de Saúde informou que as doses das vacinas foram verificadas e que não houve prejuízo com a demora. As vacinas estavam aptas para a vacinação das pessoas.

Da redação do Acontece na Bahia

 

Tag(s): , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.