“Foi para salvar a minha vida” disse mulher que se entregou na delegacia, após matar o marido, polícial aposentado

Uma notícia está sendo destaque nesta semana. Isso porque a esposa do policial aposentado Ademir Marques Pestana, de 56 anos, se entregou na Delegacia Sede de São Vicente, na última segunda-feira. ela estava sendo procurada por ter sido acusada de ter assassinado o marido a tiros.

 Segundo o portal Metrópoles, a mulher já tinha registrado vários boletins de ocorrência devido às violências domésticas que está sofrendo pelo policial . A polícia informou que ela foi presa, mas foi solta nesta quarta-feira (12/5).

“Compareci com ela à delegacia. Anexamos todos os boletins já registrados por violência doméstica ao processo e acompanharei o andamento com o Ministério Público e a Justiça” informou o advogado de defesa da mulher, que agora responderá o processo em liberdade.

“No dia dos fatos, discutimos, ele pegou a arma para me ameaçar e foi tudo muito rápido. Se eu te disser como consegui pegar a arma da mão dele, racionalmente, não consigo explicar” disse a mulher em uma entrevista para o G1.

“Eu só pensei em me defender. Foi o instinto de salvar a minha vida. Me doeu, porque ele era o pai das minhas filhas, vivi muitos anos com ele. Foram dias muito difíceis para mim”, continuou.

“Eu sabia que se ele pegasse a arma, era eu quem morreria. Eu só pensava em segurar a arma para ninguém se machucar. O primeiro tiro, eu nem vi que o atingiu, porque ele continuou vindo para cima de mim. É duro você optar por viver e se defender, e ainda poder pagar por isso. Quando fugi, tinha a intenção de me apresentar, mas, ao mesmo tempo, o medo de deixar minha filhas” acrescentou

“Minha primeira filha tem pais separados, eu sou filha de pais separados, e não queria que minhas filhas mais novas também tivessem esse destino”, afirmou.

“Chega um ponto, infelizmente, que você se acostuma a sofrer, a viver em brigas. Isso está errado, mas eu sempre achava que ele iria mudar. Eu não acordava para o perigo em que eu estava, não acreditava que um dia o pior poderia acontecer comigo. Agora, só quero cuidar das minhas filhas”, concluiu.

Leia também o portal do nosso editor www.romulofontoura.com.br

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.