Atleta de futsal é morto após partida do campeonato em Carpina PE

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta sexta-feira (24). O atleta Renan Pereira da Silva, 21 anos, foi morto a tiros próximo ao Ginásio Poliesportivo Municipal de Carpina, Zona da Mata de Pernambuco. O crime aconteceu na noite dessa quinta-feira (23), momentos depois de uma partida do campeonato de futsal dos bairros da cidade.

O jovem defendia a equipe Carneiro Leão e jogou uma partida naquela noite, segundo informações da polícia. O jogo foi acirrado, com momentos de muita tensão entre os torcedores, porém terminou empatado. Testemunhas confirmaram que o jogo foi tenso e que Renan foi escolhido o melhor jogador em quadra naquela noite.

Após o fim do jogo Renan saiu em direção a sua casa e foi abordado por dois homens armados que atiraram várias vezes contra o jogador e fugiram na sequência.

A mãe de Renan lamentou a morte do filho. ‘Ele dizia, mainha, eu vou te dar uma vida melhor, eu vou jogar bola e vou te dar uma vida melhor’’, contou a mãe de Renan que não quis se identificar.

O laudo do Instituto de Criminalística (IC), apontou que o atleta foi encontrado com oito perfurações na cabeça e no tórax. O caso é investigado pela Polícia Civil de Pernambuco que busca a motivação e autoria do crime. O caso ainda é um mistério e a mulher de Renan disse que ficou sabendo de uma confusão no ginásio após o jogo, mas desconhecia a participação do marido na briga.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Regional.