Cantor Luciano Camargo abre o coração sobre a partida do pai: “Tirou o último abraço no meu pai”

Nesse sábado (28) o desabafo de um filho que não pôde se despedir do pai voltou a repercutir. Após não poder ir ao velório e enterro do pai, o canto Luciano Camargo desabafou e falou sobre como foi o convívio dele com o pai.

Em entrevista ao portal Gshow, Luciano falou sobre a sua criação. Além disso, ele também afirmou que já sentiu algo diferente desde que visitou o pai no hospital:

“Meu convívio, antes de começar a cantar, era normal, com as broncas diárias que a gente tinha. Meu pai era um homem muito correto nas suas atitudes. Mas era um convívio muito doce. Estive com o meu pai uma semana antes de ele falecer. No dia que descobri que estava com Covid, estava indo para a Goiânia. Da última vez que fiquei com ele, senti que era diferente.” Mas não é só isso.

Luciano não segurou as lágrimas e desabafou sobre não poder ter dado um último abraço:

“Essa Covid tirou de mim o último abraço que eu poderia dar no meu pai. A Covid tirou o meu último abraço no meu pai, a despedida, e também tirou aquele abraço de conforto, que até agora não recebi. Eu sei que vou abraçá-lo um dia, eu vou encontrar com o meu pai. Aí vou dar o abraço que não pude dar nele.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

 

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.