Caseiro é encontrado morto na mesma região em que Lázaro fez ataques: “Marcas de mordidas”

Uma notícia está sendo destaque nesta segunda-feira (12).O corpo de um caseiro, de 37 anos, em que a identidade não foi revelada, foi encontrado em uma chácara  chácara localizada no Núcleo Rural Alexandre Gusmão, no Ingra 9 de Ceilândia, a região em que Lázaro Barbosa fez os ataques.

À Polícia Civil, testemunhas informaram que o caseiro foi morto após ataque de dois cachorros Rottweiler. Porém, uma análise inicial evidenciou marcas de violência, além das marcas de mordida. Ainda segundo a polícia, o homem já havia sido atacado pelos animais anteriormente.

A morte foi comunicada às 7h48 do domingo e segundo quem comunicou, suspeita-se que o caseiro possa ter morrido durante a madrugada do sábado para o domingo. O corpo estava na casa do proprietário e próximo ao portão.

O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), onde passará por exames e o caso segue sendo investigado pela 19ª Delegacia de Polícia, em Ceilândia.

 

Da Redação do Acontece na Bahia

 

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Antes do crime com família de Ceilândia, Lázaro atirou em grávida e roubou R$6 mil

Um mês antes da chacina da família Vidal, no Incra 9, Lázaro Barbosa, 32 anos, invadiu uma chácara no Sol Nascente, onde atirou em uma grávida e roubou R$ 6 mil em espécie. O dinheiro era tudo o que o caseiro Uildson Rodrigues Lopes, 25, e a mulher tinham economizado em anos de trabalho.

Uildson contou ao Metrópoles os momentos de pânico vividos pela família quando estava sob a mira do revólver empunhado pelo criminoso, morto nessa segunda-feira (28/6), em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do DF.

Até as primeiras fotos de Lázaro serem divulgadas após a chacina, o caseiro não sabia quem tinha entrado na sua casa e quase matado a mulher dele e a filha. As duas foram atingidas de raspão após disparo do assaltante. A bala passou pelo joelho da mulher e raspou na menina de apenas três anos.

“Eu o reconheci. Totalmente certeza que era o Lázaro, porque no dia que ele rendeu a gente, eu observei que no rosto dele tinha uma pequena cicatriz. Até registrei esse detalhe na ocorrência policial. A altura dele, uns 1,80m e tinha uma barba rala. Tenho totalmente certeza”, reforça.

O caseiro, que se mudou para uma cidade no interior de Minas Gerais depois do trauma, explicou que Lázaro chegou sozinho à chácara por volta das 19h do dia 11 de maio deste ano. Armado, abordou o cunhado de Uildson e anunciou o assalto, rendendo três adultos e duas crianças no interior da casa.

Uildson lembrou que o psicopata trajava um colete balístico e estava armado com um revólver calibre 38, uma faca e muito nervoso. “Chegou exigindo dinheiro, armas, celulares e tudo de valor que havia na propriedade”, diz.

Segundo o caseiro, Lázaro os ameaçou: “Ele disse que se a gente reagisse poderia se arrepender muito mais”.

 

Textos e informações do portal Metrópoles

 

 

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque.

Corpo de Lázaro é retirado do IML por advogados da família

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quinta-feira (1). Os advogados da família de Lázaro Barbosa, estiveram nesta quarta-feira (30) no IML de Goiânia para fazer a retirada do corpo do fugitivo que foi morto com pelo menos 38 tiros em confronto com a polícia. Lázaro foi localizado nessa segunda-feira (28), no município de Águas Lindas de Goiás. Segundo informações, o corpo de Lázaro estava liberado há dois dias, mas a família temia por retirá-lo, ao imaginar retaliações.

O corpo de Lázaro foi levado do IML por um carro funerário de Brasília e os advogados não informaram o local onde o corpo de Lázaro será sepultado. Mas não é só isso…

Após ter sido acusado de matar quatro pessoas da mesma família em Ceilândia, região administrativa do DF, Lázaro foi localizado e morto em confronto com a polícia. O fugitivo estava há 20 dias escapando do cerco montado para prendê-lo e foi mobilizado cerca de 270 homens que se revezavam nas ações desenvolvidas.

As investigações continuam no sentido de encontrar pessoas que tiveram interesse na fuga de Lázaro. A Polícia Civil indiciou um fazendeiro de 74 anos suspeito de ter dado apoio ao fugitivo em sua propriedade oferecendo refeições e hospedagem.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

“Eu vou morrer, mas vou levar vocês”, disse Lázaro antes de morrer em confronto com a polícia

Policiais do Grupo Tático Ambiental contaram que Lázaro Barbosa (foto em destaque), 32 anos, teria trocado tiros quando foi localizado por um helicóptero da operação, nesta segunda-feira (28/6), na região de Águas Lindas de Goiás, no Entorno do DF. “Eu vou morrer, mas vou levar vocês”, teria dito Lázaro antes do tiroteio, segundo informações do portal Metrópoles.

A troca de tiros teria sido contra policiais que estavam no helicóptero. Após Lázaro Barbosa ser morto durante confronto com as forças policiais, na manhã desta segunda-feira, a população do distrito de Girassol, no município de Cocalzinho de Goiás, recebeu a notícia com muito alívio e alegria.

Os policiais que participaram da caçada ao criminoso durante 20 dias foram aplaudidos na base da força-tarefa. As pessoas ainda soltaram fogos em comemoração ao término das buscas ao foragido.

Estamos felizes demais. Eram 20 dias de angústia. Sem dormir. Preocupados. Eles são guerreiros. Merecem todo o nosso apoio pela dedicação. Agora é hora de comemorar”, disse Larissa Alves, 34, moradora da região.

Gostaríamos que ele fosse pego vivo. Ele precisava esclarecer os outros crimes. De qualquer forma, estamos aliviados. Esperávamos que fosse capturado o mais rápido possível. Estávamos acuados. Agora teve desfecho”, Cristiane Soares, 39, comerciante da região.

Durante a madrugada desta segunda, câmeras de segurança flagraram Lázaro andando por uma rua perto da casa da ex-sogra, em Águas Lindas. Nas primeiras horas da manhã, agentes cercaram o local. Após a mobilização de cães farejadores e helicópteros, o psicopata foi localizado, mas não se rendeu e abriu fogo contra a guarnição, que revidou.

Lázaro é suspeito de matar Cláudio Vidal de Oliveira, 48 anos, Gustavo Marques Vidal, 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, 15. Ele ainda sequestrou Cleonice Marques de Andrade, 43, esposa de Cláudio e mãe das outras vítimas. O crime ocorreu na madrugada de 9 de junho, no Incra 9, em Ceilândia.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.