Tenente-coronel leva travesti para motel e se recusa a pagar a conta

Um tenente-coronel, identificado como P.J., de 50 anos, foi preso nesta quinta-feira (1º/7), em Várzea Grande (MT), depois de se recusar a pagar a conta em um motel e o valor de um programa. A Polícia Militar foi acionada após o homem ter um “surto”, gritando e ameaçando a recepcionista e a travesti contratada.

Segundo o portal RDNews, no boletim de ocorrência, consta que o homem estava bastante agressivo e quebrando o quarto. Uma das funcionárias contou que ele ameaçou dar um tiro nela. Mesmo após a polícia chegar, o militar continuou descontrolado e se negou a colocar as mãos na cabeça. Ele teve de ser contido com técnicas de imobilização.
No carro do oficial, a PM encontrou uma espingarda calibre 28 e quatro munições para a arma.

No quarto, a televisão, a porta e o telefone estavam danificados. Os policiais encaminharam o tenente-coronel à Central de Flagrantes com sinais de embriaguez. O boletim de ocorrência foi registrado como crime da administração pública e resistência.

Com textos e informações do portal Metrópoles

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Buraco no meio da rua, em formato de Mickey, toma as redes sociais: “Obrigado Prefeito. Me sinto na Disney.”

Uma imagem compartilhada de forma irônica viralizou nas redes sociais nesta quinta-feira (17/6). Nela, um morador do Morro da Caixa D’Água, localizado em Belford Roxo, no Rio de Janeiro, mostra um buraco que se formou na rua em formato de Mickey. Sim, o rato da Disney.

De forma despretensiosa, o usuário que se apresenta como James escreveu na legenda: “Obrigado prefeito, me sinto na Disney”. A publicação já tem mais de 145 mil curtidas e 12 mil retuítes. A postagem também acumulou vários comentários. “Isso não é um burraco, é uma obra de arte”, disse uma internauta. “O mais perto que a gente tá da Disney” e “Linda homenagem da prefeitura” foram outras reações dos usuários.

A prefeitura de Belford Roxo ainda não comentou o assunto.

Com textos e informações do portal Aratu On

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Presidente da Argentina gera revolta no Brasil após dizer que “Os brasileiros saíram da selva, mas nós, argentinos, chegamos nos barcos”

Um caso revoltou o povo nesta quarta-feira (9). Isso porque as declarações de um líder de nação não foi nada bem vista.

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, deu uma declaração durante uma coletiva com o primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, em Buenos Aires nesta quarta-feira (9), com teor xenofóbico contra brasileiros e mexicanos, ao tentar reforçar laços com a Europa. Além disso, citou a frase errada e atribuiu ao autor errado.

“Escreveu uma vez Octavio Paz que os mexicanos descendem dos índios, os brasileiros saíram da selva, mas nós, argentinos, chegamos nos barcos. Eram barcos que vinham da Europa”, disse o mandatário argentino durante o ato na Casa Rosada, sede do governo.

No entanto, a frase não foi escrita pelo poeta mexicano Octavio Paz, como disse o presidente. Na realidade, trata-se de uma estrofe da música “Llegamos de los barcos” (“Chegamos nos barcos”) do roqueiro argentino Lito Nebbia, amigo pessoal de Fernández, segundo o jornal Clarín.

A citação de Paz, vencedor do prêmio Nobel de literatura em 1990, foi “os mexicanos descendem dos aztecas, os peruanos dos incas e os argentinos, dos barcos” e foi dita como uma crítica à pouca miscigenação do povo argentino.

Mais tarde, em seu perfil no Twitter, o presidente da Argentina tentou justificar e disse que “na primeira metade do século 20 recebemos 5 milhões de imigrantes que conviveram com nossos povos originários” e também que “não quis ofender ninguém, de todas as formas, a quem tenha se sentido ofendido ou invisibilizado, desde já minhas desculpas”.

Com textos e informações do portal Record

Tag(s): , .

Categoria(s): Nacional.

Autoridades investigam “festa” feita para rapaz preso no dia do aniversário de 18 anos dele

A Polícia Civil e a Polícia Militar do Rio Grande do Norte informaram que vão abrir procedimentos administrativos para investigar uma “festa de aniversário” promovida dentro de uma delegacia para um jovem preso no dia em que completava 18 anos de idade.

O caso aconteceu no último sábado (5) em Macau, na Costa Branca potiguar, foi filmado e ganhou as redes sociais. De acordo com as imagens, policiais compraram bolo e refrigerante para “comemorar” o aniversário do rapaz, suspeito de roubar um aparelho de som de carro.

Ao chegarem à delegacia, com o suspeito detido, os policiais teriam constatado que o jovem completava 18 anos no mesmo dia.

No vídeo, militares dizem que compraram um bolo e refrigerante para comemorar o aniversário do jovem e também cantam “parabéns” para o rapaz. As imagens têm pouco mais de dois minutos.

O vídeo também mostra o bolo sendo cortado. O primeiro pedaço é oferecido à vítima do furto e o segundo é dado a mãe do suspeito, que o acompanhou até a delegacia.

Após as imagens circularem pelas redes sociais, a Polícia Militar informou que vai instaurar um procedimento administrativo disciplinar para apurar os fatos.

Já a Polícia Civil informou por meio de nota que a “suposta comemoração de aniversário do homem conduzido à delegacia de Macau não foi promovida nem era de conhecimento da instituição”, mesmo tendo acontecido dentro da delegacia.

A Polícia Civil também informou que lamenta o ocorrido e vai apurar se houve participação de policiais civis no caso.

Com textos e informações do portal Globo

Tag(s): , , .

Categoria(s): Nacional.