Durante o descanso do trabalho, técnica em enfermagem acaba abusada dentro do hospital

Um caso revoltou a população nesta terça-feira (12). Isso porque uma profissional da saúde acabou vivendo uma situação muito difícil enquanto descansava do trabalho. Mas afinal, o que aconteceu?

A história ocorreu no estado do Maranhão, no último domingo, mas causou revolta em todo o país. Sem dúvidas, os profissionais da saúde nunca trabalharam e se doaram tanto quanto nos últimos meses. Contudo, mesmo assim eles ainda não recebem o respeito que tanto merecem. Inclusive, neste caso uma técnica de enfermagem acabou estuprada por um colega de trabalho.

De acordo com informações das autoridades, a mulher estava dormindo, descansando durante o plantão, e quando despertou já estava sem roupas com o médico em cima dela. O suspeito é Allan Xavier Dias, médico da própria unidade de saúde e também capitão da Polícia Militar. Mas não é só isso.

Após entender o que estava acontecendo, a moça saiu do local chorando muito e avisou à família e a outros colegas o que havia acontecido. Outro fato que se destacou é que ela e o médico nunca haviam realizado nenhum plantão juntos, e mesmo assim ele escolheu ir para o local de descanso da técnica, apesar de ter o seu próprio local. Além disso, o homem acabou afastado do cargo de médico e preso em flagrante, mas acabou ganhando o direito de responder o processo em liberdade.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Nacional.

Após ter atendimento negado por hospital, garota de dois anos falece na Bahia

Na manhã dessa segunda feira (7) circulou nas redes uma triste notícia. Uma garota de apenas 2 anos faleceu após hospital negar atendimento. O caso aconteceu em Itabuna, sul da Bahia, na noite desse sábado (5). Segundo os pais da criança, ao chegar no Hospital Manoel Novais, no bairro Alto Maron, os profissionais do estabelecimento afirmaram “não atende pacientes pelo SUS”. A garota que estava em estado grave não aguentou e faleceu.

De acordo com os responsáveis, tudo começou na noite de sábado, quando a criança começou a passar mal e os pais a levaram para UPA Monte Cristo. Assim, foram surpreendidos no local quando os atendentes falaram que a unidade não estava atendendo casos pediátricos. Segundo a prefeitura de Itabuna, a unidade não estava fazendo atendimentos pois está sendo exclusivamente utilizada para atender adultos com suspeita de Covid-19.

Nesse contexto, os profissionais da UPA aconselharam os pais da criança a procurar atendimento na maternidade Ester Gomes. Entretanto, eles se dirigiram ao Hospital Manoel Novaes, onde não conseguiram atendimento pois o estabelecimento não atende pelo SUS. Assim, eles decidiram voltar para a UPA, porém, quando chegaram no local, a criança já estava sem sinais vitais. O óbito foi confirmado às 20:40hrs e a criança foi enterrada nesse domingo dia (6).

O Hospital Manoel Novaes ainda não se posicionou sobre o caso.

 

Da redação Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Felipe Neto fica irritado após pagar R$ 17 mil por consulta médica nos EUA: “Defendam o SUS”

Felipe Neto precisou de ajuda médica, no ano passado, em um hospital nos Estados Unidos e, nesta quinta-feira (1°/10), o influenciador mostrou o valor da conta, indignado.

Pelo Twitter, o youtuber mostrou que foi cobrado o valor de R$ 17 mil por uma consulta que, segundo ele, durou cerca de cinco minutos.

“Ano passado fiquei doente nos EUA e fui ao hospital. O médico me atendeu por cinco minutos e me passou anti-inflamatório. Me cobraram US$ 800 [o equivalente a R$ 4,5 mil reais]! Paguei”, começou ele.

Dois meses depois, ele recebeu uma cobrança residual de US$ 16 [o equivalente a R$ 90]. “Paguei. Dois meses depois, disseram que faltou pagar US$ 500 [R$ 2,8 mil]. Não paguei. Agora, chegou isso”, continuou Felipe, que recebeu uma carta com a cobrança de 2,2 mil dólares, cerca de R$ 12 mil.

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Internacional.