Após ter bebê arrancado de sua barriga, jovem morre e é encontrada em banheiro; suspeita é presa em hospital da região

Uma notícia assustadora circulou nas redes nesta manhã de quinta-feira (18). Uma jovem de 21 anos teve seu bebê de oito meses arrancado de sua barriga e levado. O corpo da moça foi encontrado no bairro Nova Holanda, em Macaé (RJ), na tarde de ontem (17). O caso está sendo investigado pela polícia, porém, os Policiais Militares prenderam uma mulher suspeita ao dar entrada no Hospital Público Municipal de Macaé.

A mulher suspeita entrou na unidade de saúde com um bebê morto e foi, posteriormente, encaminhada para o hospital municipal para passar por exames.

De acordo com os médicos que atenderam a mulher, ela teria afirmado que deu à luz à criança e que teria caído da escada com o bebê, levando a morte da criança. Porém, os exames complementares afirmaram que a mulher não esteve grávida.

A vítima foi identificada como Pâmella Ferreira Andrade Martins, de 21 anos, e era casada. A moça também tinha um filho de dois anos.

De acordo com uma testemunha que não quis se identificar, a jovem estava trancada em um banheiro e somente após arrombarem a porta eles viram o que teria acontecido com a jovem.

Segundo essa testemunha, o caso tem gerado revolta e comoção dos moradores.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Após discussão, Homem invade casa e mata menina de dois anos e avó; A garota faria aniversario no dia seguinte e já tinha festa marcada.

Um caso assustador circulou nas redes nesta manhã de quinta-feira (25). Isabela Guimarães Santos, de três anos, foi morta no último domingo (21) junto com sua avó em um crime bárbaro. A garota morreu apenas um dia antes do seu aniversário, quando foi baleada na cabeça por um desafeto da avó da menina.

A família já preparava uma festa simples na casa da família, na cidade de Salvador. Apenas pessoas próximas da família foram convidadas. No entanto, a menina de dois anos não teve a chance de comemorar seu terceiro aniversário.

O crime ocorreu em Camaçari, na Rua das Almas, bairro dos 46, na residência da avó, Edileuza Cipriano das Neves, de 46 anos, local onde a garota costumava a passar os finais de semana.

De acordo com o site BNews, Isabela e a avó, Edileuza, foram vítimas de um homem com quem a avó da menina teria tido uma discussão. No domingo, o homem invadiu a casa à procura de Edileuza. Assim, após uma discussão calorosa, o homem disparou contra a mulher e, por estar ao lado da avó, disparou também contra a garota. Ambas morreram na hora.

“A menina foi passar o final de semana com a avó que se envolveu em uma discussão, não sei se foi uma discussão apenas com ofensas verbais ou com agressões físicas. O rapaz se ofendeu, entrou na casa, sacou a arma e atirou primeiro na avó, como a menina estava do lado, ele também atirou”, conta um parente da menina.

Além disso, na casa onde ocorreu o crime, um vizinho de Edileuza também se encontra no local no momento do assassinato. Ele foi baleado, porém, foi socorrido por populares e é o único sobrevivente do bárbaro crime. Ele sofreu um ferimento na perna e recebeu atendimento em uma unidade de saúde da cidade.

Enlutados e abalados, os familiares de Isabela pretendem fazer um protesto nesta quinta-feira (25), às 11h, na BR-324, na altura do posto Caramuru afim de chamar a atenção das autoridades para o crime. Assim, os familiares da menina e da avó pedem justiça para o homem que ainda não foi preso.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Homem suspeito de matar três filhos em incêndio tem sua prisão decretada; Polícia acredita que o crime tenha sido motivado pelo fim do relacionamento com o companheiro

Uma notícia chamou a atenção dos internautas nesta manhã de quinta-feira (18). Suspeito de atear fogo na própria casa e matar os três filhos, a justiça decretou a prisão temporária de Ricardo Reis de Faria e Vieira, de 33 anos, no estado de São Paulo.

O caso que chocou o país ocorreu na última quarta-feira (17) por volta das 5h na cidade de Poá, São Paulo. Tudo ocorreu na rua Bernardo Pinheiro Franco, e, de acordo com o Corpo de Bombeiros, o incêndio atingiu principalmente os cômodos da casa onde se encontravam a adolescente Fernanda, de 14 anos, e as crianças, Gabriel, de 9, e Lorenzo, que iria completar 2 anos. As crianças eram filhos adotivos do casal feito por Ricardo e Leandro.

O casal estava separado há cerca de três meses. De acordo com Leandro, Ricardo tentava incansavelmente reatar o relacionamento nos últimos meses. O homem teria afirmado que sua vida não fazia sentido sem a família unida.

Testemunhas afirmam que ouviram pedidos de socorro com a voz feminina, provavelmente advinda da filha do casal, Fernanda. A adolescente foi encontrada morta próximo a uma janela com grades, o que indica que ela tentou sair da casa, mas, infelizmente, não conseguiu. A polícia acredita que a porta do quarto estava trancada.

Ricardo, que foi o único sobrevivente do incêndio, chegou a dar três versões sobre o acontecimento. Ele afirmou aos policiais que as crianças teriam sido raptadas e não estavam na residência. Além disso, ele sugeriu que o incêndio poderia ter sido causado pelo o atual namorado do ex dele ou até mesmo pela adolescente.

Assim, a atitude suspeita do homem levou a polícia a toma-lo como principal suspeito e ter sua prisão preventiva decretada.

A polícia ainda investiga as causas do incêndio, e se confirmado, Ricardo por ser preso por homicídio.

Três irmãos morrem em Vila Real após quarto da casa em que viviam pegar fogo. Pai tentou salvá-los

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Vitória da Conquista: executor de jovem Wellen Karine morre em confronto com a polícia

Uma notícia  policial chama a atenção nesta terça-feira (16) .Mais um capítulo no caso  Wellen Karine  Soares Silva, de 22 anos, que foi  brutalmente assassinada na tarde do dia 31 de janeiro na porta de uma igreja com pelo menos 15 tiros. Na última segunda-feira (15/2), um dos envolvidos no assassinato da jovem foi morto em confronto com a polícia o que aconteceu na Rua Augusto Lopes, bairro Cidade Jardins, em Barra do  Choça,  a 506 quilômetros de Salvador. O fato  foi confirmado  ao Aratu On pela Polícia Militar.

Uma denúncia anônima informou a polícia  que dois  homens  estariam armados  na localidade próxima e prontamente  foram designadas unidades policiais para averiguação. De acordo com informações, a  equipe policial foi recebida   a tiros pelos homens  que perceberam a chegada da polícia  iniciando  então intensa troca de tiros. Os dois homens foram atingidos e não resistiram aos ferimentos. Um dos jovens foi identificado como Micael Ferreira Bittencourt, de 19 anos.

A polícia  encontrou em posse dos  homens armas, drogas e dois veículos com restrição de roubo , a saber ,um carro e uma motocicleta  que foram  apresentados à delegacia local para averiguação.

Bittencourt foi identificado  como autor da morte de Wellen Karine segundo informações da  Delegacia de Homicídios (DH/Vitória da Conquista) e a motocicleta apreendida  em Barra da Choça é  a mesma utilizada no dia do crime.

Desta forma seguem as investigações  para identificar quem  conduzia  a motocicleta e o que motivou o crime partindo da ‘’disputa pelo tráfico de drogas’’ como principal linha de investigação.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Regional, Social.