Lore Improta chora ao falar sobre gravidez e diz que não consegue comer: “passo mal”

Após a descoberta da gravidez, Lore Improta resolveu fazer um “diário da gravidez” e nele foi sincera sobre como a gestação tem impactado o seu corpo e seu bem-estar.

“Meu peito não para de crescer e está doendo muito, estou tendo colicazinhas, na minha pele começou a surgir espinhas… Meu cabelo está oleoso. Estou um pouco assustada porque não tem nem um mês”, disse.

Ela também revelou que perdeu trabalho por conta da gravidez, que não foi planejada. “A gente foi pego de surpresa. Eu e o Léo não estávamos esperando agora o nenênzinho. Fiquei até sumida dos stories porque estava no processo de entender o novo cenário, como o novo empresário chegaria e como readaptaria toda a minha equipe”, explicou ela.

“Alguns contratos caíram já antes da gente assinar por conta da gravidez. A gente teve que dar uma desculpa sem poder falar que eu estava grávida. Iria sofrer uma transformação e não vou poder mais”, contou.

Ela ainda disse que estava indisposta. “Não consigo ter ânimo pra nada”, completou.

“Hoje está sendo um dia muito difícil porque não estou conseguindo fazer nada. Não consigo comer o que tenho que comer para nutrir o neném. Só consigo comer besteira, aí quando me forço a comer alguma coisa, a minha pressão cai e eu passo mal”, contou.

Logo depois, Lore confessou que, apesar das dificuldades e dos dias mais complicados, sempre tem o humor renovado ao pensar no rostinho do bebê.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque, Nacional.

Em caso extremamente raro, bebê rompe o útero da mãe e fica com as pernas na cavidade abdominal

Uma notícia está sendo destaque nesta quarta-feira (28). Em um caso raro, um bebê de 25 semanas ( um pouco mais de 6 meses) perfurou o útero da mãe durante a gestação, fazendo com que as suas pernas ficassem na cavidade abdominal. O caso foi um exemplo de casos raros em um estudo do The New England Journal of Medicine e aconteceu na França.

Os médicos perceberam uma anomalia durante os exames de rotina da mãe, que tem 33 anos. O documento publicado revela, que mesmo perfurando o útero, a mãe não sentiu nenhum sintoma ou algo estranho.

Ainda segundo os estudos, apenas 0,5% de todos os casos de gravidez no mundo apresentam essa anormalidade, sendo casos “extremamente raros” e que apresentam grande risco de vida tanto para bebês quanto para a mãe.

Como essa é a sexta gravidez da mulher, suspeita-se que tenha existido um enfraquecimento da parede uterina. O parto foi de emergência, com o bebê nascendo com 1,4kg e não teve complicações.

 

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque.

Após tentar interromper gravidez, ativista pró-aborto morre na Argentina; a suspeita é de que houve negligência médica

Uma notícia em sido destaque nas redes sociais nesta segunda-feira(19). A jovem Maria Del Valle Gonzalez Lopes, que era presidente da Juventude Radical da cidade de La Paz, Argentina, morreu em decorrência de complicações depois de um aborto legal. O incidente aconteceu depois que Maria deu entrada no hospital Arturo lllia, em Mendoza, na quarta-feira (7), desejando a interrupção da gravidez. Quatro dias depois do procedimento a jovem não resistiu e veio a óbito. A morte de Maria Del Valle está sendo tratada pela polícia como um ‘’possível caso de negligência médica ‘’.A jovem teria recebido um suposto medicamento incorreto.

A jovem ficou bastante conhecida por ser militante política na defesa do aborto legal na Argentina. De acordo com o jornal Mendoza Post, a jovem teria tomado uma pílula abortiva e cerca de dois dias depois começou a se sentir muito mal chegando a precisar de internação no sábado (10) com muitas dores na região do abdômem. Maria veio a óbito no dia seguinte por infecção generalizada.

Segundo informações, a jovem foi medicada com uma pílula comumente conhecida por fazer o útero ‘’expulsar’’ o bebê. Este medicamento causa efeitos colaterais como a perda de sangue.

De acordo com o médico cirurgião argentino Luis Durand, este tipo de infecção generalizada é muito comum em processo de gravidez interrompido. ‘’A infecção geral ou septicemia, em uma mulher que toma misoprostol para abortar, pode ocorrer quando a expulsão é incompleta e os restos do bebê permanecem no útero. Por isso é uma falácia dizer que qualquer instrumentação em um organismo possa ser segura’’, disse Luis.

A ativista ‘’pró -vida’’, Guadalupe Batallán, desabafou no Twuitter afirmando que os grupos feministas se calaram por que o aborto de Maria aconteceu em um hospital legalizado e monitorado pelo governo argentino. A ativista alertou as mulheres que apesar da legalização do procedimento na Argentina, a prática do aborto e um ato de risco.

‘’Maria Del Valle tinha 23 anos e uma vida inteira pela frente. Era estudante e se tornou presidente da Juventude Radical de Mendoza.Ela abortou legalmente na quarta-feira (7) e morreu no fim de semana. Eu vou contar para vocês porque as feministas ficam quietas.#MorreuPor AbortoLegal#, Contou.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Fabio Assunção posta ensaio fotográfico de Ana Verena grávida e congestiona a internet: “Momentos lindos”

Uma notícia parou a internet nesta manhã de terça-feira (13). O ator Fábio Assunção publicou em seu perfil oficial do Instagram um ensaio fotográfico da sua companheira, Ana Verena, grávida. O artista publicou um texto tocante falando sobre a nova vida que está a caminho.

“A Lua está Nova, em seu primeiro dia. Fará agora seu ciclo de 29 dias. Esse ciclo é chamado de Revolução e é o tempo que ela leva para dar um giro completo na Terra. Ela nasce, cresce, chega a sua completude, vai minguando até fechar seu curso e renascer”, começou.

“Quando ela estiver quase cheia, no meio dessa revolução, Verena e eu teremos nossa filha. Compartilhamos com vocês fragmentos desse ensaio que fizemos. Assim nos enfeitamos, sob a luz irrestrita de meu pai Obatala assegurada em Deus, para sua chegada. Muito àṣẹ minha filha”

“Maria Toscano, nossa fotógrafa para sempre, capturou tantos momentos lindos. E a Sal cuidou, como em nosso casamento, em deixar todo mundo no ponto. Gratidão Sal e Maria! No papel de mãe, Ana Verena. No papel de mãos João, Ella e eu”, concluiu Fábio exaltando o trabalho da fotógrafa.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.