Doença da ‘urina preta’: Mulher vai parar na UTI após comer prato com peixes e comida japonesa

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta terça-feira (13). Após comer peixe em um restaurante de comida japonesa, uma jovem de 27 anos precisou ser internada na UTI por desenvolver a doença de Haff, popularmente conhecida como doença da ‘‘urina preta’’. A jovem foi até o restaurante que fica localizado no município de Goianésia, em Goiás, no dia 23 de junho e jantou sashimi de tilápia e salmão.

De acordo com informações da família, pouco tempo depois Kelly Silva começou a passar mal e desenvolveu sintomas gastrointestinais. No dia seguinte a jovem piorou e apresentou fortes dores pelo corpo além de endurecimento dos músculos. Kelly segue internada em um hospital de Goiânia e de acordo com a família o seu estado de saúde é considerado grave, porém estável. A jovem tem passado por sessões de hemodiálise e ainda não há previsão de alta médica. Mas não é só isso…

A doença de Haff ainda tem origem desconhecida, mas os pesquisadores afirmam que os pacientes que desenvolveram a doença haviam consumido algum tipo de animal que vive na água, na maioria das vezes água doce. Os pesquisadores acreditam que a doença é causada por algum tipo de toxina ainda não identificada que contamina o alimento e causa a doença. A pessoa intoxicada costuma desenvolver os sintomas entre 2 e 24 horas após o consumo do alimento e pode ter incômodos, dores fortes pelo corpo e coloração escura da urina e uma evolução para insuficiência renal.

Da redação do Acontece na Bahia

Imagem: Reprodução/TV Anhanguera

Tag(s): , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Um dia após deixar UTI para Covid, publicitário de 36 anos morre depois de piora repentina

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais neste sábado (10). O publicitário Arthur Galvão Silva, 36 anos, repetia algumas vezes a expressão ‘‘o pior já passou’’ para parentes e amigos ao deixar a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital de Goiânia. Ansioso para ver esposa e filhos, Arthur estava certo da sua recuperação. Entretanto, o publicitário teve uma piora repentina e faleceu nessa quinta-feira (8), no dia seguinte ao que deixou a UTI.

“Estou desolado. Essa é uma doença muito traiçoeira”, disse o também publicitário Lênio Prudente Filho, ex-patrão e amigo de Arthur, uma das pessoas com quem ele esteve durante a fase curta de recuperação. “Acompanhei toda a trajetória dele de perto. Era uma pessoa muito querida”, contou.

O publicitário testou positivo para a Covid-19 no dia 21 de junho e precisou ser internado no dia 29 do mesmo mês. Arthur precisou ser internado em UTI e ficou em tratamento por 5 dias. Com uma evolução positiva no quadro clínico, o paciente foi extubado nessa quarta-feira (7) e foi para a enfermaria. Com a evolução Arthur passou a tranquilizar familiares e amigos.

“Ele estava super otimista e agradecido. Já fazia brincadeiras. Já falávamos em nos encontrar para comemorar sua recuperação”, lembra Lênio. Ao contrário da expectativa, Arthur teve uma piora significativa, voltou para a UTI e faleceu em decorrência de complicações da Covid 19.

“Foi uma coisa que pegou a todos nós de surpresa. Já estávamos contando com sua recuperação. Foi um fato lamentável, triste demais”, conta Tiago Pinheiro, diretor e sócio da AMP Propaganda, agência na qual Arthur trabalhava.

O publicitário era muito conhecido e considerado uma pessoa alegre, comunicativa e de bem com a vida. “Ele aparentava ser todo sério, mas era alto astral. Perdi um grande amigo!”, disse Lênio. Segundo a família, Arthur seria hipertenso, teria colesterol e diabetes controladas. O publicitário que deixa mulher e dois filhos foi sepultado nessa sexta-feira (9).

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Bombeiros resgatam grande cobra píton albina em apareceu em piscina de festa

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta terça-feira (6). No mês passado uma cobra píton foi vista por imagens de câmeras de segurança em uma piscina durante uma festa em uma casa localizada em Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital goiana, local onde foi resgatada pelo Corpo de Bombeiros. De acordo com o segundo titular da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Meio Ambiente (Dema), Luziano de Carvalho, os registros das câmeras de segurança foram feitos cerca de 15 dias antes do resgate da cobra.

De acordo com a polícia, o dono da casa onde o animal foi resgatado foi indiciado nessa segunda-feira (5), e responderá por maus-tratos e por trazer para o país animal sem parecer técnico, o que caracteriza tráfico. O animal encontrado possui mais de 2 metros de comprimento e não é originário do Brasil. O resgate foi realizado pelo Corpo de Bombeiros no dia 10 de junho em uma residência no setor Aeroporto Sul.

“O vídeo mostra o autor em um momento de festa na piscina em sua casa com muitos amigos manuseando e causando um estresse nessa cobra. O cloro também causa irritações. Tudo isso caracteriza maus-tratos”, contou o delegado ao G1.O homem acusado de cometer o crime pode pegar até dois anos de reclusão e pagar uma multa de aproximadamente 360 salários mínimos caso seja condenado.

De acordo com informações, o homem acusado de tráfico foi multado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), em 3,7 mil. Mas não é só isso…

O resgate aconteceu após uma moradora ver o animal e acionar os Bombeiros. A princípio a cobra foi encaminhada ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), onde foi avaliada e cuidada. Após passar por análise, o animal foi encaminhado para o Zoológico de Goiânia. De acordo com o delegado, o animal não consegue mais se adaptar ao meio ambiente por ter sido criado em cativeiro.

A cobra píton é uma das maiores serpentes do mundo, com alguns relatos de animas com até dez metros de comprimento. Apesar de ter um tamanho assustador o animal não é venenoso. São encontradas na África, Austrália e Ásia e matam as presas se enrolando nelas e esmagando-as até a morte.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.