Feirante que matou um homem por furtar verduras em uma feira popular é preso em Jequié

Uma notícia chocou os cidadãos baianos nesta semana, mas a justiça já foi decretada. Isso porque o crime bárbaro aconteceu . Um feirante matou um homem a pauladas, após ele ter tentado roubar algumas verduras em uma feira de Jequié.A polícia informou que concluiu o caso nesta sexta-feira (23), e que o agressor já se encontra preso.

 

Segundo o portal Bahia Notícias, o homem que sofreu as agressões até a morte, foi identificado como, Amós Moreira Galvão. De acordo com testemunhas, ele estaria circulando pela feira, quando tentou furtar algumas verduras de uma barraca do feirante, O responsável pelo local percebeu, e em seguida iniciou a agressão contra a vítima, utilizando uma madeira. O crime aconteceu no dia 3 de março deste ano, mas só veio a público nesta sexta-feira (23).

Até o momento da publicação desta matéria não houveram mais informações sobre quanto tempo o feirante, acusado de matar a pauladas um homem, poderá pegar de prisão.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Feirante desabafa após mercadoria de sua barraquinha sumir em praça no centro da cidade: “Roubaram”

Uma situação revoltou o povo nesta segunda-feira (21). O relato de uma feirante trouxe à tona a maldade que algumas pessoas têm quando não estão sendo observadas. Mas afinal, o que aconteceu?

Tudo aconteceu na cidade de Piritiba, no estado da Bahia. De acordo com o portal Calmon Notícias, ela costuma vender produtos como frutas, legumes e temperos na feira livre da cidade, na praça Firmino Sampaio, que fica centro. Então, ela deixou as mercadorias cobertas na barraquinha, como de costume. Contudo, não esperava que alguém fosse capaz

Quando retornou, a feirante encontrou a lona que cobria os produtos rasgada e vários itens haviam sumido. Ela ficou muito chateada com o episódio e resolveu contar a história para outras pessoas. Então, depois disso o relato se espalhou pela cidade, que repreendeu o ocorrido. Ainda em conversa com o portal, a feirante desabafou: “Roubaram tomate, cebola, batatinha, batata doce, pacotes de tempero, limão, dentre outros produtos.”

É lamentável que, numa semana tão simbólica para a coletividade e para a compaixão, uma trabalhadora honesta acabe prejudicada por alguém que se aproveitou de sua ausência.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , .

Categoria(s): Nacional.