Convidado deixa Fátima Bernardes sem jeito após ironizar campanha com bordão da emissora durante entrevista

Uma notícia está sendo destaque nesta segunda-feira (19). Durante o seu programa matinal “Encontro”, Fátima Bernardes recebeu alguns convidados e debateu sobre assuntos importantes. Um dos assuntos é sobre o “Dia do Indígena”, comemorado hoje, 19 de abril.

Durante uma conversa com ativista Cristian Wariu, do povo indígena xavante, ao divulgar o trabalho “Falas da Terra”, documentário muito importante realizado pela emissora, ele chamou a atenção ao ironizar uma famosa campanha da Globo.

“Ótima oportunidade para quem quer entender mais sobre povos indígenas, ver essa diversidade, ver a gente em diferentes espaços, cada um com sua luta, utilizando diferentes ferramentas para estar dentro da sociedade indígena. Que possamos ter, pelo menos nesse espaço da Globo, cada vez mais ‘Falas da Terra’, e não ‘Agro é Pop’”, disparou.

“Agro é Pop” faz parte de uma propaganda da rede Globo que enaltece as qualidades do agronegócio. Porém, o agronegócio é a principal ameaça aos povos indígenas, considerando as grandes perdas territoriais desse povo para a produção agrícola.

O documentário “Falas da Terra” será exigido hoje pela emissora após a edição do BBB.

 

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque.

Em entrevista à Fátima Bernardes, Ex-BBB Lucas chama Nego Di de “oportunista” e se recusa a falar de Karol Conká e Projota

Uma notícia chamou a atenção dos internautas nesta manhã de quarta-feira (10). Em sua entrevista com Fátima Bernardes no programa da Globo, Encontro, o Ator Lucas Penteado desabafou após pedir para sair do programa Big Brother Brasil 21: Muito obrigado ao Brasil pelo acolhimento”.

O ator comentou à apresentadora que entrou no programa com a intenção de comprar uma casa para sua mãe “O filho dessa dona de casa quer que a mãe dele tenha um lugar digno para ela se aposentar”, declarou.

Lucas comentou sobre sua saída e afirmou que a desaprovação de Lumena Aleluia após o beijo com Gilberto foi determinante para sua saída: “A não aceitação de uma semelhante foi avassalador. Já havia sentido uma energia ruim, foi o momento crucial. Uma ‘vozinha’ dentro de mim já tava dizendo para sair”.

“Independente da opressão que vivemos, também existe a reprodução da opressão. Ela não me perguntou em momento algum quem era eu. Eu compreendo o que aconteceu ali. O conselho que eu ia pedir [para Lumera] era: ‘o que eu faço quando sair daqui? O que eu faço para ser tão corajosa como você, uma menina preta, de periferia, lésbica…'”, afirmou Lucas.

A apresentadora questionou ao ator sobre seus desafetos dentro da casa, porém, ele se evitou parcialmente da pergunta: “Não vou citar nomes, atacar pessoas. Prego o amor. Acredito que é a única coisa que pode funcionar. Não quero falar do Projota e da Karol Conká. Existem muitas leituras dos acontecimentos. Gostaria muito que eles saíssem e assistissem tanto ao programa quanto as reações das pessoas aqui fora. O Brasil todo espera que seja uma estratégia muito errada deles”, assegurou.

No entanto, ele desabafou sobre o brother Nego Di, quem chamou de “oportunista”: “É um oportunista assustador. É um cara que magoou muito, não esperava isso. Não vou deixar meus princípios de lado por R$ 1,5 milhão. Uma pessoa que conseguiu abalar o convívio das 20 pessoas foi ele”, disparou.

Lucas Penteado finalizou a entrevista falando sobre suas ações e seus erros dentro da casa: “Talvez eu tenha metido os pés pelas mãos. Acredito muito na união do povo preto. Achei que seria o único preto e vi sete semelhantes e queria isso na final. Não mudaria nada, porque fui eu, mas o eu que sou agora não cometeria os mesmos erros”, confessou. Por fim, Fátima relembrou a cena em que Karol pediu para Lucas sair da mesa e ele se emocionou. “Todo momento eu pensava na minha mãe porque doeu nela em dobro. Pensei: ‘até que ponto vale a pena para minha sanidade mental?’ E então eu sai”, finalizou.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Após mãe também passar por cirurgia, apresentadora Fátima Bernardes desabafa: “Um susto na gente”

Neste domingo (10) uma história chamou a atenção. Isso porque uma querida apresentadora desabafou após a mãe dela realizar uma cirurgia, poucas semanas depois dela também ter passado por uma. Mas afinal o que aconteceu?

A jornalista e apresentadora Fátima Bernardes, de 58 anos, enfrenta um período de fortes emoções. Após passar por uma cirurgia para tratar um câncer, ela também teve que lidar com a cirurgia da mãe, Eunice Gomes Bernardes.

Então, Fátima desabafou e contou que levou um verdadeiro susto por conta do que aconteceu com a mãe. Contudo, felizmente a recuperação de dona Eunice está acontecendo rapidamente. Fátima relatou:

Minha mãe deu um susto na gente com uma queda, precisou operar, mas depois da cirurgia não teve mais dor. Nem parece que ainda ontem estava no centro cirúrgico. Minha gratidão a esses profissionais da saúde que parecem fazer mágica com as mãos. Nada de culpar 2021, hein. A queda ainda foi em 2020. Devemos continuar esperançosos num ano melhor.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Após cirurgia de câncer, apresentadora Fátima Bernardes chora e desabafa: “A gente não sabe exatamente onde vai cair, é realmente um soco”

Uma história tocou o povo nesta segunda-feira (04). Isso porque uma querida apresentadora desabafou depois de passar por um momento difícil. Mas afinal, o que aconteceu?

A apresentadora Fátima Bernardes, uma das mais renomadas do Brasil, preocupou há todos quando anunciou que estava com câncer no útero. Então, não demorou para que ela precisasse se afastar do seu programa e passar por uma cirurgia. Agora, já de volta ao trabalho, Fátima se emocionou ao desabafar sobre o caso. Ela falou que sempre foi muito cuidadosa e disse como descobriu a doença, que veio de surpresa:

“Nós ouvimos muitas histórias da plateia sobre recomeço e de pessoas que venceram o câncer. Eu sempre imaginava como era receber essa notícia, e é realmente um soco. A gente não sabe exatamente onde vai cair. Você pensa, ‘como é que vou me levantar? Eu sempre me cuido, mas não tive nenhum sinal, nenhum sintoma ao não ser o espessamento do meu endométrio que minha médica quis investigar.” Mas não é só isso.

Fátima também falou como está se sentindo e qual lição tirou desse difícil período de sua vida:

“Da notícia até a cirurgia foram quatro dias, graças a Deus eu tenho condições de fazer os procedimentos. É tão duro saber que algumas pessoas estão lutando pelo direito de serem tratadas. Me sinto ainda tentando me recuperar do soco, sem entender muito bem. Graças a Deus deu tudo certo, o resultado foi o melhor possível. Fico me cobrando sobre o que eu mudei. Sempre fui medrosa, sempre cuidei muito da minha saúde. Sempre tive muita certeza de que a vida é muito frágil e rápida. Parar, contemplar, também é uma forma de viver. Na marra eu tive que aprender a ficar quieta.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.