‘Parecia até uma despedida’, diz ex-companheiro de Mila Moreira ao detalhar última conversa com a atriz

A morte da ex-modelo e atriz Mila Moreira, 75 anos, causou profunda tristeza entre famosos e admiradores do trabalho dessa artista de enorme talento e competência. O produtor editorial e ex-companheiro de Mila no início da década de 1980, Cláudio Lobato, 74 anos, lamentou a morte de Mila Moreira e disse que conversou com ela há poucos dias.
“Vivemos juntos na época em que éramos modelos. Nós nos falamos pelo WhatsApp no sábado (4), por conta de umas fotos que achei dela numa festa”, disse o ex-modelo, em conversa com a revista Quem..

‘‘Ela estava em Paraty (RJ) numa festa. Mas me respondeu, agradeceu… Parecia até uma despedida… Mila foi uma mulher incrível, maravilhosa. Só tenho que agradecer por ela ter feito parte da minha vida’’.
Cláudio deixou claro, na mesma entrevista, o carinho que tinha pela ex-companheira. “Ela era essa energia, passava essa alegria para todos. Pena que foi cedo demais – e não sofreu, graças a Deus. Perdi uma pessoa muito querida, que vai fazer muita falta.”
A atriz Mila Moreira faleceu na madrugada dessa segunda-feira (6), no Hospital Copa Star, onde estava internada, na zona sul do Rio de Janeiro. A atriz e amiga de Mila Moreira, Lília Cabral, disse que ela não estava doente e foi vítima de um mal súbito.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque.

Mulher escapa da morte ao lutar com ex-companheiro que tentou tirar sua vida com uma faca

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais neste domingo (2). O momento em que uma mulher precisou lutar com o ex-companheiro para escapar da morte foi registrado por imagens de câmeras de segurança. A tentativa de feminicídio aconteceu nesse sábado (1º) em Garça, São Paulo, quando o suspeito, que foi localizado em Itápolis posteriormente, desferiu golpes de faca contra a ex-companheira buscando matá-la.

De acordo com a Polícia Militar, a mulher de 29 anos estava chegando por volta das 6h ao seu local de trabalho, em uma panificadora localizada na Rua Alagoas, quando o seu ex-companheiro se aproximou e tentou contra a sua vida. Segundo a Polícia Militar, o ex-companheiro desferiu golpes de faca contra a mulher e conseguiu feri-la no pescoço. Segundo informações da corporação, o homem encontrou resistência na ex-companheira que lutou para não perder a sua vida, e apesar de ferida conseguiu resistir ao objetivo do ataque.

Nos registros feitos por câmeras de segurança é possível notar um homem usando um boné e se aproximando da vítima quando ela desce da moto. O homem tenta atingir a mulher com uma faca. As imagens também mostram a vítima caindo no chão e o ex-companheiro se ajoelhando para feri-la.

A mulher se defendeu do ataque usando as mãos e depois de algum tempo os dois fogem do local correndo em sentidos opostos. De acordo com a Polícia Militar, a mulher recebeu atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com alguns ferimentos e informou aos agentes que havia sido agredida por um homem não identificado durante uma tentativa de roubo.

Investigação feita pela polícia nas imagens de câmeras de segurança, despertou a suspeita de que o crime poderia não ser uma tentativa de roubo porque a intenção do homem era esfaquear a mulher. Uma conversa entre os policiais e a mãe da vítima que analisou as imagens, houve a suspeita por ela de que o agressor tinha as características do ex-companheiro da filha, o qual tinha histórico de agressão contra ela como também uma medida protetiva em seu desfavor.

O homem foi localizado em Itápolis e confessou o crime informando aos agentes que havia ido até Garça para ferir e ex-companheira. Preso em flagrante, o homem responderá por tentativa de feminicídio.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.