Jovem de 26 anos está desaparecida há 9 dias após uma discussão no celular: “Montou na bicicleta e foi. Não a vi mais”

Uma notícia triste continua sendo destaque neste domingo (14). A jovem Yasmin Stefany Conceição da Silva, de 26 anos, está desaparecida desde o dia 4 de fevereiro após uma discussão no telefone em Praia Grande, São Paulo.

As informações que se tem são do relato da mãe da jovem, Sandra Maria da Conceição, dadas ao portal de notícias do G1. Segundo ela, a filha mora com uma amiga em Vila Atlântica, mas no dia do desaparecimento estava em sua casa. Yasmin estava dormindo na sala com a filha pequena, quando recebeu uma ligação por volta das 22h.

A mãe diz:

“Cheguei tarde do trabalho e encontrei ela dormindo. Tomei um banho e, como estava muito quente, sentei lá fora para me refrescar”.

Pouco tempo depois Yasmin recebeu a ligação:
“Ela começou a discutir com alguém ao telefone, estava muito brava. Eu não consegui ouvir nada da conversa, mas a filha dela também percebeu que Yasmin estava muito irritada”

Depois que a ligação acabou, Yasmin saiu de casa as pressas:
“Passou com pressa por mim, com o bebê no colo e o celular na cintura. Montou na bicicleta e foi. Não a vi mais”, conta a mãe da jovem.

No dia seguinte, Sandra soube que Yasmin passou na casa da ex-sogra, deixou a bebê e saiu. A amiga com quem Yasmin mora também a avisou que a jovem não dormiu em casa. Depois de saber disso, toda a família e amigos da jovem fizeram buscas por ela. Todos procuraram nos hospitais da cidade, assim como delegacias e IML, mas não encontraram nenhuma pista.

O caso está sendo investigado pela delegacia da cidade de Praia Grande e as buscas pela polícia já foram iniciadas.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Jequié: Após reclamar de som alto com pregadora, carregador de feira é morto a facadas após discussão

Uma triste notícia chamou a atenção dos internautas nesta manhã de segunda-feira (8). Um rapaz de 20 anos, que trabalhava como carregador de feira, foi morto no último domingo (7) após ser atacado com golpes de faca.  O fato ocorreu em Jequié, no Médio Rio de Contas, Sudoeste baiano.

De acordo com o site Bahia Notícia, a vítima, que foi identificada como Paulo Roberto Dias Santos, reclamou com uma pregadora gospel sobre o volume do aparelho de som que ela utilizava. Assim, iniciou-se uma discussão que resultou na morte do rapaz.

Segundo as testemunhas, o rapaz pediu que o aparelho de som fosse desligado. Assim, o filho da pregadora começou a discutir com o carregador e posteriormente o atacou com uma faca. O homem foi socorrido por populares, mas não resistiu aos ferimentos.

A polícia encaminhou o corpo de Paulo Roberto para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) local.

No entanto, o agressor fugiu do local e ainda não foi localizado ou preso.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.