William Bonner diz que foi autuado pela Receita Federal e agora afirma que pedirá reembolso perante o fisco

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais neste domingo (11). O apresentador e editor-chefe do ‘’Jornal Nacional’’, William Bonner, foi autuado pela Receita Federal por supostas irregularidades em contrato de trabalho. Por meio de nota William Bonner afirmou que pagou a quantia cobrada pelo fisco apesar de achar indevida.

William Bonner confirmou que adotará meios legais de contrapor a posição da Receita e destacou que sua relação com a Globo não é feita por meio de Pessoa Jurídica (PJ).

“Esclareço que nada devo à Receita Federal. Ao ser autuado, embora discordasse da autuação, paguei o valor indevidamente cobrado, me reservando o direito de pedir a restituição do que me pertence por direito. No momento oportuno, tomarei outras providências sobre o assunto junto à Receita”, afirmou William Bonner.

E continuou: “Esclareço ainda que, por opção minha, a relação que tenho com a Globo não se dá por meio de Pessoa Jurídica”, enfatizou.

Desde o ano passado mais de 60 funcionários e ex-funcionários da Globo vem sendo autuados pela Receita Federal. As autuações são frutos de supostas irregularidades em contratos de trabalho entre eles e a Globo envolvendo contratos sob regime de pessoas jurídicas, ou ‘’pejotizadas’’. Assim sendo inexiste registro em carteira de trabalho e sim emitem notas fiscais em nome de suas microempresas.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Mercado Livre planeja expansão e anuncia a contratação de 7.200 funcionários no Brasil

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quarta-feira (7). Um projeto de expansão na América Latina trazido pelo Mercado Livre, promete contratar 16 mil funcionários com 7,2 mil sendo alocados no Brasil. A empresa almeja investir R$ 10 bi no país nas áreas de logística e fintech. 

No Brasil os interessados poderão se inscrever às vagas e na América Latina os candidatos poderão acessar a página do Linkedin do Mercado Livre e por meio de uma página específica da empresa em espanhol. 

O candidato que acessar a página brasileira irá encontrar três cargos disponíveis e poderá fazer o filtro: Analista/Consultor; Auxiliar/Operador e Logística/Distribuição. As vagas disponíveis serão alocadas nas principais capitais do país além de algumas cidades dentro do campo de atuação da empresa. 

 

Da redação do Acontece na Bahia  

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

WhatsApp: Banco Central autoriza transferências de dinheiro pelo aplicativo

Uma ótima notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quarta-feira (31). Nessa terça-feira (30), o Banco Central (BC), autorizou o WhatsApp a disponibilizar os serviços de transferências entre os usuários que se utilizem do aplicativo. A função de compra ainda está sendo analisada pelo BC. 

O Banco Central concedeu a autorização para a Visa e a Mastercard, que são parceiros do WhatsApp e ao Facebook, que é a empresa dona do aplicativo.  

Presidente da VisaPagamentos por WhatsApp ‘colocam o Brasil em outro patamar de inovação’, comenta. 

“O BC acredita que as autorizações concedidas poderão abrir novas perspectivas de redução de custos para os usuários de serviços de pagamentos”, escreveu a autoridade monetária. 

O WhatsApp disse por meio de nota que os ajustes finais estão sendo feitos e espera disponibilizar a novidade “assim que possível”. 

“Recebemos com muita satisfação a decisão de hoje do Banco Central sobre a aprovação do nosso pedido de licença como iniciador de pagamentos, e estamos empenhados nos preparativos finais para disponibilizar esta funcionalidade do WhatsApp no Brasil assim que possível. Agora, mais do que nunca, pagamentos digitais seguros e convenientes oferecem uma solução vital para transferir dinheiro rapidamente para pessoas que necessitam e auxiliar empresas em sua recuperação econômica. Compartilharemos mais informações assim que a função de pagamentos estiver disponível no WhatsApp”. 

 

D redação do Acontece na Bahia 

 

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Doméstica joga R$ 10 mil da patroa no lixo sem querer e dinheiro é recuperado com ajuda de GPS

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quarta-feira (24). Uma verdadeira força-tarefa teve início em Recife quando uma patroa deixou uma sacola com dinheiro em cima de uma estante. A empregada da casa sem querer juntou a tal sacola com os demais materiais descartáveis e colocou para ser recolhido pelo caminhão de lixo.  

Dentro da sacola estavam R$ 10 mil reais pertencentes à patroa da empregada e então começava uma verdadeira busca para tentar recuperar o dinheiro que segundo informações era para fazer pagamentos. 

Com a ajuda de GPS foi possível detectar especificamente o caminhão usado para fazer a coleta naquela localidade e na sequência os coletores precisaram revirar cerca de 3 toneladas de lixo por mais de três horas para conseguir encontrar o montante. 

“Quando a senhora sentiu falta do dinheiro, ligou para a Emlurb e falou com a secretária do diretor. Eu estava passando na hora e disse: ‘vamos ajudar’. Fomos à sala de controle operacional para localizar o carro”, esclareceu o gerente-geral de Fiscalização e Limpeza da Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife (Emlurb), Avelino Pontes. 

Depois de achado o caminhão, se iniciou os trabalhos para que o dinheiro fosse encontrado. “O caminhão já estava pela metade. Depois do lixo dessa residência, fez mais 15 ruas e tinha uma média de três toneladas. Descarregamos e os garis começaram a busca, foram quase três horas. Na primeira leva, catamos todo o lixo e não achamos”, comentou Avelino.  

Foi preciso mudar a estratégia por se tratar de um volume pequeno: “Para achar esse pacotinho vamos ter que abrir saco por saco. Foi quando começamos com a segunda busca. O esforço dos meninos foi enorme, ficaram o tempo todo abaixados, foi um trabalho muito bonito. Na segunda busca, acharam. Já foi no finalzinho, estavam perdendo a esperança”, explicou Avelino. 

Lucas Gomes da Silva,26 anos, disse que achar o dinheiro foi um trabalho complicado e afirmou nunca ter passado por aquela situação: “O dinheiro estava enrolado num saco plástico preto. Pegamos sem saber, colocamos para dentro do carro e continuamos a coleta”, disse. 

Lucas ainda afirmou que havia perdido as esperanças de encontrar o dinheiro, mas seguiram em frente: “Quando a gente estava perdendo a esperança, um amigo meu estava ciscando com um garfo e então a gente achou. Agradeceram a gente”, ressaltou. 

“Foi uma sensação de alívio”, desabafou a dona do dinheiro com o fim das buscas. “Agradeceram e ficaram muito felizes de termos achado, ainda mais nessa situação de crise que estamos vivendo. A senhora relatou que o dinheiro era para pagar alguém por algum serviço prestado”, concluiu Avelino Pontes.
Foto:Divulgação/Emlurb

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque, Regional, Social.