Após receber mais de 98% de rejeição, Ex-BBB Nego Di desabafa e diz que se arrepende de ter entrado no programa: “Estou sendo julgado como se fosse um criminoso”

Uma notícia chamou a atenção dos internautas fãs do reality Big Brother Brasil nesta manhã de sábado (20). O humorista Nego Di posto, na noite de sexta-feira (19) um desabafo em forma de dois longos vídeos falando que sobre sua participação no programa da Rede Globo.

O humorista que foi eliminado na terça (16) com 98,76% dos votos, recorde histórico de rejeição da história do reality, contou em vídeo que as coisas em sua vida pioraram após sua participação no reality.

“Logo que saí as pessoas me perguntavam se eu me arrependi de alguma coisa e eu falava que não, mas a sensação depois que eu peguei meu celular, se as pessoas me perguntassem de novo, eu ia responder que me arrependi de ter entrado no Big Brother'”, contou.

“Fui julgado de uma maneira muito cruel, não foi um cancelamento, foi um linchamento”, continuou o humorista

“Estou sendo julgado como se fosse um criminoso, pior que um criminoso. Como se tivesse matado alguém, como fosse um serial killer ou psicopata”.

“Hoje chego à conclusão que não gosto da ideia de fui manipulado, de que me manipularam. Eu me deixei manipular, eu errei, eu escolhi ter aquelas atitudes erradas e admito que estou errado”.

“Tentei seguir minha intuição, segui errado, joguei errado. Errei para caramba em escolhas atitudes, posicionamentos, fiz muita piada idiota. Só depois que eu saí de lá , pude perceber o quanto errei”, concluiu Nego Di.

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.

Aos prantos, viúva e mãe de dois filhos desabafa sobre a morte do marido policial: “Meu marido morreu lutando e deixou nossa família”

Nesta segunda-feira (7) uma história emocionou o povo. Aos prantos, a viúva de um jovem policial, com quem tinha 2 filhos, falou sobre a dor da perda.

A jovem Suelem Oliveira desabafou sobre a morte do policial Derinaldo Cardoso. O cabo foi até uma loja para atender a um chamado de assalto. Chegando lá, ele ficou guarnecendo a porta junto a um colega, mas acabou não observando os flancos. Então, ele foi baleado covardemente por um dos bandidos, que chegou pelas costas e atirou na cabeça do policial. Durante a última despedida ao marido, Suelem disse:

“Ele não é mais um. Ele é meu marido, é pai de Rachel e de Samuel! Não é mais um! Eu queria muito que todos os outros policiais não fossem mais um. Porque eles têm família, têm mãe, têm filhos, têm irmãos. Meu marido morreu lutando, servindo e protegendo a sociedade, e deixou nossa família.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Jovem policial morto em loja desabafou antes de partir: “Nós juramos nossas vidas em defesa da sociedade, em defesa de cidadãos que muitas das vezes nos criticam”

Nesta segunda-feira (7) um desabafo chamou a atenção. Antes de ser morto, um jovem policial desabafou sobre os riscos e a valorização da profissão. Mas afinal, o que aconteceu?

O jovem agente da Polícia Militar, Derinaldo Cardoso dos Santos, de 34 anos, morreu após ser baleado de maneira covarde por um bandido. Contudo, apenas algumas semanas atrás, Derinaldo havia feito um desabafo sobre uma situação parecida. Ele lamentou a morte de com amigo de farda e aproveitou para falar sobre os perigos da profissão e a valorização da sociedade:

“Muitas pessoas vêm me dizer que foi a profissão que nós escolhemos, que quando nós escolhemos ser policiais, sabemos de todos os riscos e, quando nós entramos na Polícia Militar, nós juramos sacrificar nossas vidas em defesa da sociedade, em defesa de cidadãos que não nos conhecem, cidadãos que muitas das vezes nos criticam. Mas isso não diminui a dor, não diminui o sentimento de perda. Estamos de luto, mas continuamos na luta. Qual o trabalho da Polícia Militar? Estamos nas ruas por você!” Mas não é só isso.

Entenda o caso

Tudo começou quando o acusado participou de um assalto num estabelecimento comercial, no Rio de Janeiro, na última sexta-feira. Então, após a policia chegar ao local, o acusado fica à espreita esperando o comparsa para fugir.  Dois agentes da polícia ficam próximos a porta da loja e o acusado percebe que eles estão olhando apenas para frente, mirando o comparsa e sem perceber a presença dele. Nessa hora, o acusado se aproveita que o jovem cabo Derinaldo Cardoso dos Santos, de 34 anos, está de lado, o atinge com um tiro na cabeça e foge de lá com o comparsa. Após ser baleado covardemente a queima-roupa, Derinaldo foi levado até o Hospital Geral de Nova Iguaçu. A equipe médica iniciou uma cirurgia de emergência para tentar salvar a vida do agente. Entretanto, o quadro de Derinaldo era gravíssimo e ele não resistiu.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Aos 65 anos, ex-prefeito desabafa após ter sido espancado no último domingo

Um ex-prefeito de uma grande cidade baiana foi atacado por três homens no último domingo (15). Por conta das agressões, ele ficou muito machucado e precisou ir até uma unidade de saúde de emergência. Mas o que aconteceu?

No último domingo, dia 15, o médico e ex-prefeito de Feira de Santana, Tarcízio Pimenta, foi espancado por três homens. O ex-gestor da segunda maior cidade da Bahia estava gravando um vídeo perto do Instituto de Educação Gastão Guimarães, no coração da cidade, quando o grupo se aproveitou e o atacou pelas costas. Então, agora ele desabafou e explicou o episódio. Em entrevista ao BNEWS, Tarcízio disse:

“Eu estava gravando o vídeo, coisa que faço, quando três rapazes me agrediram, me espancaram pelas costas, chutaram a minha cabeça e eu estou muito, muito machucado. Tem mais ou menos uma hora que dei entrada no hospital.” Além disso, Tarcízio também contou que não entende porque isso aconteceu e que ficou inconsciente:

“Eu não sei [o motivo], não sei, eles não me disseram nada, não foi roubo e nem assalto porque não me levaram nada, eu estava com celular, carteira, com dinheiro no bolso. Eu não sei dizer quando tempo durou as agressões, perdi os sentidos. Não sei o motivo, tenho feito muitos vídeos sobre saúde, essas coisas, posso ter chamado atenção, não sei dizer””

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Nacional.