Após teste profundo da Covid-19 em nariz, mulher tem cérebro vazado

Um caso curioso que foi publicado no JAMA Otolaryngology Head & Neck Surgery chamou atenção de todos na última quinta-feira (1). Após ser submetida a um exame para detectar infecção do coronavírus, uma mulher teve o cérebro vazado por conta do processo invasivo em seu nariz.

De acordo com a publicação, a paciente de 40 anos procurou um hospital após apresentar coriza, rigidez no pescoço, dor de cabeça e sentir um gosto metálico na boca. Ao ser consultada, ela informou que havia sido submetida a um teste para a Covid-19, antes de passar por uma cirurgia de hérnia e, dias depois, começou se sentir mal, vomitando e com dores na cabeça.

Encaminhada para um hospital universitário de Iowa, a mulher foi diagnosticada com uma massa no meio da cavidade nasal direita, depois de um exame de tomografia e ressonância magnética.

Os responsáveis pelo atendimento da mulher drenaram a massa, constatando que houve o vazamento de líquido cefalorraquidiano (LCR), que se encontra no cérebro e na coluna. O caso inédito deixou os médicos surpresos.

Depois de todo o susto e dores, a mulher se recupera bem, mas segue sendo acompanhada por neurologistas.

O teste da Covid-19 via nasal é um dos métodos mais utilizados para ser diagnosticada a presença do coronavírus no organismo. O exame consiste na coleta de secreção utilizando um swab, uma espécie de cotonete comprido, inserido na parte interna do nariz e posterior da garganta. O exame, embora seja indolor, pode causar grande incômodo, e deve ser feito entre o segundo ao 12º dia do início dos sintomas.

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Nacional.

Presidente dos EUA e primeira-dama testam positivo para Covid-19

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, que minimizou a ameaça da pandemia do novo coronavírus por meses, anunciou nesta sexta-feira (2) que ele e a primeira-dama Melania Trump, tiveram teste positivo para covid-19 e entrarão em quarentena.

“Vamos começar nossa quarentena e processo de recuperação imediatamente. Vamos passar por isso JUNTOS!”, escreveu o presidente em um tuíte nas primeiras horas da manhã.

Trump, de 74 anos, faz parte do grupo de risco para a covid-19 tanto por causa de sua idade quanto porque é considerado como alguém que tem sobrepeso. Ele manteve boa saúde durante o mandato, mas não é conhecido por exercitar-se regularmente, nem por manter dieta saudável.

Trump minimizou a gravidade da pandemia no início e, por várias vezes, previu que ela iria embora. Ele raramente usa máscara em público e critica as pessoas – incluindo o candidato democrata na eleição presidencial de 3 de novembro, Joe Biden – que usam.

Mais de 200 mil pessoas morreram por causa da covid-19 nos EUA, com os idosos e portadores de condições pré-existentes sendo atingidos mais duramente.

Republicano, Trump pediu que os estados reabrissem as economia abaladas pela pandemia,mesmo com a alta no número de casos, e atacou governadores democratas que adotaram medidas para controlar a disseminação do vírus.

O resultado positivo de Trump significa que outras pessoas nos altos escalões do governo norte-americano podem ter sido expostas ao vírus e também terão de entrar em quarentena.

Uma autoridade da Casa Branca disse que o rastreamento de contatos do presidente estava em andamento.

O médico de Trump, Sean Conley, disse esperar que o presidente cumpra seus deveres “sem interrupções” enquanto se recupera.

“O presidente e a primeira-dama estão bem neste momento e planejam permanecer em casa, dentro da Casa Branca, durante sua convalescença”, escreveu Conley em comunicado distribuído à imprensa.

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Internacional.