Após rejeitar convite de Bolsonaro para Ministério da Saúde, médica afirma: “Não houve convergência técnica entre nós”

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta segunda-feira (15). 

Em meio ao momento conturbado pelo qual passa o Ministério da Saúde, uma possível troca no comando da pasta é o assunto que tem sido destaque neste momento. Cotada para ser a substituta do ministro Eduardo Pazuello, a médica Ludhmila Hajjar que se encontrou com Bolsonaro neste domingo (14),em Brasília, negou que tenha aceitado o convite para a pasta e como justificativa disse não haver “‘convergência técnica entre ela e o governo”. 

A médica comentou em entrevista à GloboNews que é favorável às medidas que vem sendo adotadas como o isolamento social e ressaltou o empenho que deve existir com relação a prioridade de vacinas. “Cenário no Brasil é bastante sombrio”, destacou. 

Ludhmila ainda comentou que não houve convergência na forma como pensa e às expectativas do governo. “Penso pra isso neste momento, para reduzir as mortes, tem que reduzir a circulação das pessoas, de maneira técnica e respaldada por dados científicos.” 

Destacou ainda a importância de o Ministério da Saúde orientar os profissionais de saúde acerca da melhor maneira de atender pacientes infectados pelo coronavírus e afirmou ser favorável a que se estabeleça um protocolo nacional a ser tomado como referência. “Não dá para esperar dezembro a população ser vacinada.” 

“O Brasil precisa de protocolos, e isso é pra ontem. (…) Nós estamos discutindo azitromicina, ivermectina, cloroquina. É coisa do passado. A ciência já deu essa resposta. (…) Perdeu-se muito tempo na discussão de medicamentos que não funcionam.” 

A médica apresenta respaldo entre membros do governo, parlamentares e perante o STF. Arthur Lira, presidente da Câmara, (PP-AL), comentou em rede social acerca do combate à pandemia “exige competência técnica” e “capacidade de diálogo político” e é notório a presença destas qualidades em Ludhmila. 

 

Da redação do Acontece na Bahia 

 

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.