Homem que já clonou cartão de crédito de Xuxa e aplicava golpes em instituições é preso dentro de avião junto com a companheira

A Polícia Civil prendeu nesta última quarta-feira (22) um casal envolvido em fraude contra instituições financeiras, que já gerou um prejuízo superior a R$ 200 mil. Artur Franklin de Sousa Lima, de 32 anos e a mulher Kianna Ivy Cunha Amorim, de 21 anos, são foragidos da Justiça de São Paulo e estavam embarcando em um avião que saia de Jericoacoara.

A dupla chegou a apresentar documentos falsos durante a abordagem da Polícia Civil, que estavam tentando cumprir mandados de busca e apreensão contra os dois.

O Artur já tinha sido preso em 2008 quando aplicou um golpe e clonou o cartão de crédito da Xuxa Meneghel e em 2017, pela prática de crime cibernético, fraude e formação de quadrilha.

Artur e Kianna estavam sendo procurados desde a segunda-feira quando se iniciou a operação de buscas pelos dois. Com os documentos falsos, eles conseguiram fugir das investidas policiais realizadas em Fortaleza e em Caucaia. Contudo, eles foram localizados e reconhecidos em Jericoacoara.

Segundo Edvando França, diretor do Departamento de Inteligência da Polícia Civil, “Eles possuem empresas interpostas para dar um ar de credibilidade ao dinheiro que eles recebiam oriundo de fraudes. O Artur já foi preso diversas vezes fazendo o mesmo esquema”.

Já o Jean Bruno Weddigen, delegado regional de Acaraú, explicou que dupla foi presa “Mediante informações levantadas pela nossa delegacia regional, foi nos passado que esse casal estaria no aeroporto embarcando. De pronto, encaminhamos duas equipes para o local e já no avião identificamos pelas tatuagens quem seriam eles”.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.