Sob forte comoção, o corpo do menino Gael de 3 anos, foi velado e enterrado na cidade natal do pai, no interior da Paraíba

Uma notícia muito triste está sendo divulgada nesta tarde. Pois, o corpo de Gael Nunes, de 3 anos, foi enterrado nesta quinta-feira (13), no cemitério Jardim Saudade, em Prata, que fica no interior da Paraíba, onde reside toda a família do pai da criança

Segundo o portal R7, o menino Gael foi velado na casa da avó, e após receber várias visitas, respeitando as medidas de segurança sanitária para não causar aglomerações, o caixão foi posto em uma tenda, e foi levado pelo pai e outros familiares.Várias pessoas compareceram, inclusive a imprensa.

Ainda de acordo com o portal, todos seguiram em um cortejo pela rua até a chegada ao cemitério. O momento do enterro de Gael, foi bastante comovente, vários moradores acompanharam de perto.

Mais cedo, o pai da criança acompanhou de perto quando o corpo da criança chegou de avião em João Pessoa. Ele não deu entrevista para imprensa, por motivos de condições emocionais.

Leia também o portal do nosso editor www.romulofontoura.com.br

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Caso Gael: Suspeita de matar filho de três anos, mãe de Gael é transferida para penitenciária em Tremembé, SP

Uma notícia chamou a atenção dos internautas nesta manhã de quarta-feira (12). A mãe do garoto Gael, de 3 anos, Andréia Freitas de Oliveira, principal suspeita de espancar filho até a morte nesta semana, foi transferida para a penitenciária feminina I de Tremembé (SP) hoje (12) pela manhã.

A mulher, de 37 anos, foi levada para penitenciária feminina de Tremembé, que é conhecida por abrigar presas famosas, como Suzane von Richtofen, condenada pela morte dos pais, Ana Carolina Jatobá, condenada pela morte da enteada Isabella Nardoni e Elize Matsunaga, condenada por matar o marido Marcos Matsunaga.

A mulher ficará inicialmente isolada em uma cela durante 15 dias, devido aos protocolos contra Covid-19, e, após o período será colocada em outra cela. A prisão preventiva da mulher foi decretada na terça (11) pela Justiça.

Andreia afirma que não se lembra do que aconteceu na noite do crime. Além disso, ao saber da morte do filho, a mulher chorou copiosamente por 40 minutos.

“Ela está muito abalada e não se lembra de nada”, afirma o advogado de defesa Fábio Gomes da Costa.

Da Redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Mãe do menino Gael afirma “não se lembrar” do momento em que o filho morreu, segundo o advogado de defesa

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta terça-feira (11). O advogado de defesa da mãe do menino Gael de Freitas Nunes, 3 anos, disse que a sua cliente não se recorda do momento em que seu filho faleceu. Fábio Costa afirma que a mulher não se lembra do que aconteceu entre a noite de domingo (9) e a tarde da segunda-feira (10), nesse intervalo de tempo ela teria tido uma perda de memória, segundo o advogado.

A mãe do menino, que foi presa na madrugada desta terça-feira (11), conta que tem a lembrança de estar deitada com Gael e a filha mais velha e teria ido tomar um banho porque seu corpo esquentou. Ela conta que lembra de ter ido tomar o banho, pego no sono e despertado no momento em que era tirada do chuveiro por várias pessoas.

A defesa da mãe do menino Gael relata traumas desenvolvidos por ela em razão de um relacionamento abusivo vivido com o pai da sua filha mais velha. De acordo com o advogado, esta situação afetou a vida de sua cliente pessoal e profissionalmente. Disse também que sua cliente estar longe do mercado de trabalho há muito tempo como consequência destes problemas.

Segundo o advogado, a mulher tem dificuldade na escrita além de não lembrar qual foi o seu último emprego. A mãe de Gael, que tem 37 anos, irá passar por audiência de custódia no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP).O advogado disse que irá pedir o relaxamento da prisão de sua cliente.

O menino Gael de Freitas Nunes, de 3 anos, faleceu nessa segunda-feira (10) com sinais de agressão no bairro Bela Vista, região central de São Paulo. A mãe do menino é a principal acusada do crime e foi presa em flagrante.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Caso Gael : Polícia Civil prende mãe suspeita de agredir filho de 3 anos até a morte

Uma notícia tem sido destaque nesta semana. Isso porque a mãe de Gael de Freitas Nunes, de 3 anos, foi presa nesta terça-feira (11), pela Polícia Civil. A criança morreu depois de ter sido encontrada com vários ferimentos no apartamento da família no Centro de São Paulo.

Segundo o portal G1, a suspeita do crime, compareceu na  1º Delegacia de Defesa da Mulher, no Cambuci, por volta da meia-noite, e às 5h30 foi encaminhada para 89ºDP, no Portal do Morumbi, onde permaneceu em uma cela. O conteúdo do depoimento ainda não foi divulgado.

Entenda o caso, na última segunda-feira (9), O menino de 3 anos, teria sido espancado pela própria mãe até a morte. Segundo a Polícia Civil que está investigando o caso. A mulher teria passado por um surto psicótico quando teria agredido Gael. O menino não sobreviveu aos ferimentos. E durante os exames de necropsia, foi constatado lesões no corpo da criança que poderia ter sido provocado pelo o anel da mão da mãe.

Leia também o portal do nosso editor www.romulofontoura.com.br

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.