Senhora de 83 anos e duas filhas deficientes ficam mantidas mais de um ano em cárcere privado sob condições subumanas; Filho da idosa é o autor do crime

Uma triste notícia circulou nas redes nesta manhã de quinta-feira (21). Uma idosa de 83 anos era mantida em cárcere privado pelo filho. Além dela, duas irmãs do rapaz, uma com deficiência mental e outra com deficiência física, também eram impedidas de sair de casa. O fato aconteceu no município de Boa Viagem, interior do Ceará.

A Polícia Civil libertou as mulheres na quarta-feira (20) e o homem foi preso em flagrante.

A polícia chegou ao local após uma denúncia feita por outra filha da idosa, que não morava no local. Assim, a mulher afirmou à polícia que seu irmão mantinha mãe e suas duas irmãs presas dentro de casa e que elas eram impedidas de sair. Além disso, o homem sempre trancava a casa e saia com as chaves quando precisava deixar o local.

Após a investigação e a chegada dos policiais no local, os agentes encontraram as mulheres em condições subumanas e sem nenhum tipo de higiene no local.

Veja as condições da casa em: https://www.youtube.com/watch?v=ckYTB9A0x_s&ab_channel=Di%C3%A1riodoNordestearquivo

A idosa e as filhas haviam tentado abrir um buraco na parede da casa para tentar fugir do local.

Após a polícia prender o homem, as mulheres estão sob os cuidados de outros familiares. Além disso, o Conselho Tutelar e o Centro de Referência de Assistência Social (Creas) foram acionados para prestar ajuda psicológica às vítimas.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.