Padre é preso após atacar sete bispos com ácido durante sínodo

Uma notícia está sendo destaque nesta sexta-feira (25). Um padre foi preso por policiais, ontem (23), na Grécia, após atacar sete bispos metropolitanos do Santo Sínodo com ácido. Tudo isso porque esses bispos estavam em reunião para considerar a deposição desse padre, pois, em 2018, ele foi preso por estar em posse de cocaína. Assim, ele estava enfrentando uma demissão em audiência disciplinar.

Segundo os policiais, o padre, de 37 anos, comprou os ácidos pela internet. Os bispos tiveram queimaduras no rosto, nas mãos e nas roupas, sendo levados imediatamente para o hospital.

O padre tentou fugir, mas foi pego por um segurança do mosteiro juntamente a outras duas pessoas, que também foram atingidos por ácidos.

“Estava a decorrer uma audiência do Santo Sínodo, devia ser julgado e despedido, e nessa altura, por motivos próprios, decidiu cometer este ato e colocar em perigo a vida das pessoas. Condenamos isto, não temos o direito de fazer essas coisas. Não importa o que digamos agora, a única coisa necessária são as orações de todos os gregos”, disse um dos bispos.

De acordo com o advogado do padre, ele teria agido dessa forma por conta de um “péssimo estado psicológico”, e que o padre tomava remédios para depressão.

 

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.