Após saída da Ford, Audi anuncia suspenção das atividades no Brasil após desentendimento com governo: “Governo deve R$ 289 milhões”

Uma triste notícia circulou nas redes nesta manhã de sexta-feira (12). Após a ford ter anunciado o fechamento de sua fábrica no Brasil, a montadora Alemã Audi anunciou que irá interromper sua linha de montagem no país.

No entanto, diferentemente da montadora americana Ford, a Audi trata a interrupção como uma suspenção, e não um encerramento definitivo da produção no país.

A fábrica afirma que a decisão se deve à um desentendimento com o governo com a arrecadação dos impostos. A Audi explicou que “Boa parte dessa decisão passa pela definição do que irá ocorrer com os créditos de IPI acumulados durante os anos de Inovar-Auto e que não foram integralmente devolvidos”.

De acordo com a montadora, o governo deve atualmente R$ 289 milhões às fábricas abertas no país. O dinheiro se refere aos benefícios oferecidos pelo governo em troca da produção em solo nacional de carros da Audi, BMW e Mercedes.

A empresa afirmou também que fez “todos os estudos necessários para trazer um novo modelo para a nossa linha de produção”, mas a decisão cabe à matriz e fatores como o IPI serão cruciais para a manutenção da fábrica no país.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.