Criança morre vítima de ‘ameba comedora de cérebros’ após ter sido infectada enquanto brincava em parque aquático

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quinta-feira (30). Isto porque uma criança de 6 anos morreu em decorrência de meningoencefalite amebiana primária, que é uma doença causada por uma ameba que ‘come’ o tecido do cérebro humano. Este micro-organismo unicelular é denominado Naegleria fowleri e infectou a criança enquanto ela se divertia em um parque aquático público, localizado no Texas, EUA.

Conhecida como ‘come cérebros’, esta ameba se alimenta em especial de bactérias que são encontradas na água. Em contato com o corpo humano, e não encontrando as substâncias que se utiliza para sobreviver, ela ataca o cérebro para encontrar tais nutrientes. O contágio se dá quando o micro-organismo entra pelo nariz, o que comumente ocorre quando pessoas estão em contato com a água em rios, lagos ou piscinas.

Foi aberta uma investigação no dia 5 de setembro, dia em que a criança precisou de atendimento médico, e as autoridades encontraram falhas no sistema que avalia a qualidade da água em vários parques do Texas. Especialistas apontam que a presença da ameba em águas doces e mornas é comum, mas infecções são raras de acontecer. De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), na última década somente 34 casos foram registrados nos Estados Unidos.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

publicidade