Auxílio Emergencial: Consulta de aprovados e data de pagamentos já estão disponíveis

Uma notícia está sendo destaque nesta segunda-feira (05). A consulta para saber quem foi aprovado no auxílio emergencial está liberada desde a última sexta-feira e pode ser feita em três locais diferentes: o site do Ministério da Cidadania, o Portal de Consultas da Dataprev e o site da Caixa Econômica Federal.

No portal da cidadania e no Dataprev é possível saber se o cadastro está aprovado, e no site da Caixa será possível checar onde o dinheiro será pago.

O recebimento das parcelas do primeiro beneficio não é garantia do recebimento desse novo lote, por isso é importante a consulta e observar as condições do beneficio neste ano. O “pente-fino” dos trabalhadores cadastrado já foi realizado, segundo o Ministério da Cidadania, para garantir que apenas os cidadãos que fazem jus ao recebimento irão receber as novas parcelas.

Também não será feito novos cadastros, quem receberá nesse lote será apenas aqueles que receberam no ano passado e se enquadra nas novas condições. Para quem recebe o Bolsa Família, os pagamentos começam dia 16 de abril e continua valendo a regra do valor mais vantajoso. Os inscritos via aplicativo, site e CadÚnico, o pagamento começa nesta terça-feira para os nascidos de janeiro.

Confira a tabela com a data de pagamentos disponibilizada pelo portal G1:

 

Calendário Auxílio Emergencial 2021 — Foto: Economia G1

Os trabalhadores que não foram aprovados para o auxílio tem até o dia 12 de abril para contestar a decisão.

Da Redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.

Após pressão, Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, promete vacinar toda a população até o fim do ano: “50% até junho e 50% até dezembro”

Uma declaração dada pelo Ministro da Saúde tem deixado os brasileiros atentos nesta quinta-feira (11). Após ser convidado a se apresentar no Senado Federal pela senadora Rose de Freitas (MDB-ES), o Ministro Eduardo Pazuello foi pressionado por senadores para esclarecer a situação das compras das vacinas contra o Coronavírus.

Para os presentes, Pazuello prometeu: “50% até junho e 50% até dezembro”. Além disso, depois de ser confrontado por Rose de Freitas sobre a quantidade de doses adquiridas pelo Governo Federal, o ministro afirmou que essa “pressão política” vem travando a compra:

“O contrato do Instituto Butantan que fechamos é completo, de 100 milhões de doses. A única diferença, entre as 46 primeiras e depois de 64 , é a entrega. Isso estava no contrato. Mas, por uma pressão política, precisamos, mesmo sem ter recebido as primeiras doses, encomendar o segundo lote. Isso está escrito, é público no contrato.”

Na reunião, Pazuello também declarou que não existem atrasos nas compras dos imunizantes e que não haverá reserva de doses:

“Não há atraso, o contrato foi feito integral das 100 milhões de doses, por proposta do ministério. A forma de pagamento é por lotes. A gente [governo federal] já está indo além.”

“A gente distribuirá tudo que chegar. Enquanto houver capacidade de estocar nos estados, não faremos estoques no Ministério. Das 11 milhões de doses, algo em torno de 6 milhões ainda estão disponíveis”

Por fim, o Ministro exaltou a medida feita pelo Ministério da Saúde que autoriza a contratação de doses de vacina antes da autorização da Anvisa, medida essa que agiliza a aquisição de imunizantes.

Da Redação do Acontece na Bahia

 

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.