Suspeito de matar capitão da PM vestia farda de colégio estadual, diz delegado

O assaltante que atirou contra um capitão da Polícia Militar, morto nesta segunda-feira (20) em um lava a jato na Baixinha do Santo Antônio, no bairro do Cabula, vestia a farda de um colégio estadual e aparentava ter cerca de 17 anos, informou o delegado Antônio Cláudio Oliveira, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ex-marido da cantora de arrocha Nara Costa e subcomandante da 2ª Companhia Independente da PM (Barbalho), Anativo Manoel da Conceição Neto, de 33 anos, foi abordado por volta das 17h30. O assaltante apontou um revólver calibre 38 para o capitão, na tentativa de roubar o seu carro, um veículo Renault Sandero (placa NTZ-8692). “Ele deu voz de assalto, dizendo ‘perdeu o carro’. O capitão reagiu e tentou segurar a arma do meliante, mas acabou atingido por um tiro na cabeça”, declarou o delegado. De acordo com Oliveira, o suspeito fugiu sem levar nada e deixou a arma do crime no local. Segundo o Correio, Anativo estava de folga, mas carregava na cintura a arma ponto 40 da PM.

 

Fonte: Bahia Notícias.

Categoria(s): Regional.

Comente: